No último domingo, o Santos derrotou em casa o América Mineiro por 1×0 e terminou o Campeonato Brasileiro de 2016 na segunda colocação, sendo assim o vice-campeão brasileiro deste ano. A equipe disputava a vice-liderança do Brasileirão com o Flamengo, já que o Palmeiras havia se consagrado campeão da competição na penúltima rodada.

Santos vice-campeão

Ricardo Oliveira, artilheiro do Santos no Brasileirão.

Ricardo Oliveira, artilheiro do Santos no Brasileirão.

Precisando de uma vitória e do tropeço adversário, o Santos fez a sua parte, vencendo o já rebaixado América Mineiro com um gol de Ricardo Oliveira e contou com o empate sem gols do Flamengo, que jogou fora de casa contra o melhor mandante do Campeonato Brasileiro, Atlético Paranaense. Com esses resultados, o Santos chegou aos 71 pontos, igualando a pontuação do Flamengo, porém, com duas vitórias a mais que a equipe rubro-negra e por isso, terminando a temporada na segunda colocação do Brasileirão de 2016. Além de terminar a competição em uma colocação muito boa, nove pontos atrás do campeão Palmeiras, o Santos lutou para ficar na segunda colocação por causa da diferença da premiação dada ao vice-campeão e ao terceiro colocado, que é de cerca de R$ 3,4 milhões. Agora que teve sua segunda colocação garantida, o Santos ganhará cerca de R$ 10,7 milhões como premiação, enquanto o Flamengo, terceiro colocado, ficará com R$ 7,3 milhões como premiação, dinheiro o qual serão dados pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

O Santos teve um começo irregular no Campeonato Brasileiro, já que nas dezenove partidas do primeiro turno, conseguiu dez vitórias, três empates e seis derrotas. Porém, no returno, a equipe melhorou um pouco seus resultados, conseguindo onze vitórias, dois empates e cinco derrotas, chegando a ficar nove jogos seguidos sem perder. Além de terminar o Campeonato Brasileiro na segunda colocação, o Santos ficou na mesma posição na tabela de melhores mandantes da competição, ficando atrás apenas do Atlético Paranaense, enquanto ficou na terceira colocação entre os melhor visitantes, atrás do Flamengo e Palmeiras. Quanto aos gols, o Santos ficou com o terceiro melhor ataque e a terceira melhor defesa.

O Santos Futebol Clube

O Santos foi campeão Paulista de 2016.

O Santos foi campeão Paulista de 2016.

Um clube tradicional do futebol brasileiro que tem como maior ícone o maior jogador de todos os tempos, o Rei Pelé que foi lançado profissionalmente no Santos FC com 16 anos e com mais de 1.091 gols marcados pelo Santos FC. Este clube do litoral paulista além de Pelé, revelou Pepe, Zito, Clodoaldo, jogadores campeões pela seleção brasileira, além dos contemporâneos Robinho, Ganso, Neymar, Gabigol entre outros muitos jogadores revelados na Vila Belmiro, estádio do Santos FC.

Fundado em 1912, é um clube com mais de 100 anos de história, com conquistas como duas Copas Intercontinentais de 1962 e 1963, equivalentes a um mundial, três Copas Libertadores de 1962, 1963 e 2011, a Supercopa dos Campeões Intercontinentais em 1968, Supercopa Sul-Americana em 1968. O clube santista já foi oito vezes campeão do Campeonato Brasileiro da Série A e uma Copa do Brasil em 2010. O clube foi eleito pela FIFA no ano de 2000 como o quinto maior clube do século XX, o melhor da América. O Santos FC ainda tem a grandeza de nunca ter sido rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileio. Em 1962 o clube conquistou algo histórico, com Pelé no time, o Santos FC foi o único clube brasileiro a ser campeão estadual, campeão brasileiro, campeão da Libertadores e campeão da Copa Intercontinental, todas as conquistas no mesmo ano. Em 2015 conseguiu outro feito importante, com o atacante Ricardo Oliveira sendo o artilheiro do Campeonato Paulista, competição qual o Santos foi campeão, além disso Ricardo Oliveira foi artilheiro do Campeonato Brasileiro e Gabriel Gabigol sendo artilheiro da Copa do Brasil, competição qual o Santos FC foi vice-campeão.

Em 2016 foi campeão paulista e agora depois de alcançar o vice-campeonato do Campeonato Brasileiro de 2016, o time conquistou uma vaga direta para a fase de grupos da Copa Libertadores de 2017. Para isso a diretoria do clube já renovou com seu artilheiro Ricardo Oliveira que foi responsável por 11 gols na competição, além disso vai contar com seu ídolo Elano como auxiliar técnico do técnico Dorival Júniror. Elano fez sua partida de despedida na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016 na vitória por 1×0 contra o América Mineiro, resultado que deu o vice-campeonato ao time santista. Esperamos que o Santos possa fazer uma grande campanha em 2017.

Boas Apostas!