Agora campeão brasileiro com o Palmeiras, o lateral esquerdo Zé Roberto acertou a renovação do seu contrato com a equipe paulista, permanecendo na equipe por mais um ano. A confirmação da renovação foi feito no site oficial do Palmeiras, onde a equipe anuncia que o experiente jogador de 42 anos assinou um contrato com validade até o fim de 2017.

Zé Roberto jogando como Palmeiras.

Zé Roberto jogando como Palmeiras.

Assinando contrato em dezembro de 2014, quando já estava com seus 40 anos, o lateral esquerdo Zé Roberto mostra ainda uma motivação de um adolescente, querendo conquistar mais títulos. “Seguirei mais um ano porque sei que fiz a melhor escolha para a minha carreira. A última impressão é a que fica, então a melhor impressão da minha carreira está sendo essa. Sempre fui motivado por desafios, vou jogar mais um ano para ir em busca de mais conquistas”. O jogador ainda afirmou que quando chegou ao Palmeiras, queria fazer história dentro da equipe paulista, algo que conseguiu, conquistando a Copa do Brasil de 2015 e o Campeonato Brasileiro desse ano. “Minha motivação maior sempre foi o projeto. Os objetivos foram alcançados: no ano passado conseguimos o título da Copa do Brasil, e agora o do Brasileiro. Quando cheguei, falei que viria não para passar um tempo, mas para entrar na história desse clube, para ver minha foto estampada no vestiário. Isso foi concretizado e estou muito feliz”. Durante 2016, Zé Roberto disputou 47 partidas, marcando dois gols e sendo uma das peças fundamentais no elenco palmeirense.

Jogador experiente

Zé Roberto na sua passagem pelo Grêmio.

Zé Roberto na sua passagem pelo Grêmio.

O lateral esquerdo Zé Roberto começou a sua carreira profissionalmente na Portuguesa, em 1994, atuando pela equipe até 1997, quando transferiu-se para o Real Madrid por cerca de € 2,5 milhões. Porém, depois da negociação milionária e da alta expectativa gerada em torno do jogador, o brasileiro não conseguiu atender essas expectativas e atuou poucas vezes pela equipe espanhola, disputando apenas 15 partidas. Com isso, o lateral acabou sendo emprestado ao Flamengo, onde fez um bom trabalho. Depois do fim do seu empréstimo e do seu contrato com o Real Madrid, Zé Roberto foi negociado com o Bayer Leverkusen, onde ficou até 2002. Depois de passar por Leverkusen, o jogador despertou o interesse de outra equipe alemã, o grande Bayern de Munique, onde viveu o melhor momento da sua carreira no exterior, conquistando quatro vezes o Campeonato Alemão, (2002/03, 2004/05, 2005/06, 2007/08), três Copas da Alemanha (2002/03, 2004/05, 2007/08) e duas Copas da Liga Alemã (2003/04, 2006/07).

Já em 2009, o brasileiro foi negociado para o Hamburgo, também da Alemanha, e depois para o Al-Gharafa, do Catar, onde substituiu o também brasileiro Juninho Pernambucano. De volta ao Brasil, Zé Roberto foi para o Grêmio em 2012, sendo um dos destaques da equipe, junto com Elano, Marcelo Moreno e Marcelo Grohe. Na equipe gaúcha, o lateral teve bons resultados, disputando quase 120 partidas e marcando quinze gols, porém, sem conquistar nenhum título, apenas o prêmio Bola de Prata pelo desempenho no Brasileirão de 2014. Em dezembro de 2014, assinou contrato com o Palmeiras, onde foi essencial na campanha de campeão da Copa do Brasil de 2015, sendo o capitão da equipe na competição. No ano seguinte, ainda participou do elenco que conquistou o Campeonato Brasileiro, ajudando a encerrar um jejum de 22 anos sem títulos da competição para o Palmeiras.

Renovação de outros jogadores

Alecsandro em entrevista pelo Palmeiras.

Alecsandro em entrevista pelo Palmeiras.

No início de dezembro, o Palmeiras já havia anunciado a renovação de outro jogador, o goleiro Jalison, peça extremamente importante na campanha de 2016. O anúncio foi feito no último dia nove pelo próprio jogador, que em entrevista coletiva. “Primeiramente, acabei de renovar no vestiário, mais dois anos. Vão ter de me aguentar aqui”. Chegando no Palmeiras  para ser reserva do goleiro Fernando Prass, Jailson virou titular durante o Campeonato Brasileiro. Antes da última rodada do primeiro turno da competição, Prass se lesionou quando treinava para defender a seleção brasileira nos Jogos Olímpicos, deixando a vaga de titular para o goleiro Jailson, escolhido pelo treinador Cuca. Na temporada de 2017, Jailson provavelmente voltará a ser reserva, já que Fernando Prass está recuperado e deverá assumir sua titularidade novamente.

Além de Jailson, o atacante Alecsandro também acertou a sua renovação de contrato com o Palmeiras. Na última semana, o Palmeiras anunciou em seu site oficial a renovação de contrato por um ano do jogador, confirmando sua permanência por mais um ano na equipe. Em entrevista ao site oficial do Palmeiras, Alecsandro se mostrou feliz por ter estendido seu contrato com o atual campeão brasileiro. “Estou muito feliz no Palmeiras, me dou bem com todos os companheiros. É um lugar onde me sinto em casa”. Durante esse ano, o atacante atuou em 13 partidas, marcando três gols.

Boas Apostas!