O êxodo de jogadores brasileiros com destino ao futebol asiático, mais concretamente à China, proporciona cenários como o desta manhã, na Coreia do Sul. Em partida válida pelo grupo G da Liga dos Campeões da Ásia, o Suwon Bluewings empatou a dois com o Guanzghou Evergande e os quatro gols da partida foram marcadores por atletas de nacionalidade brasileira.

Foto: "Reprodução/Facebook"

Foto: “Reprodução/Facebook”

O Suwon World Cup Stadium, na Coreia do Sul, acolheu a partida de maior cartaz nessa segunda rodada do grupo G da Liga dos Campeões da Ásia. O Suwon Blueweing, com os brasileiros Johnathan Goiano e Santos Júnior no onze titular, enfrentou o Guangzhou Evergrande, time orientado por Luiz Felipe Scolari que foi a jogo com Paulinho, Ricardo Goulart e Alan.

Nesse duelo prometedor quanto à prestação dos brasileiros, foi Santos Júnior quem se chegou à frente. O atacante de 31 anos já é uma figura do Suwon Bluewings, time coreano que representou nas últimas cinco temporadas, isso depois de ter chegado ao futebol coreano em 2010 para representar o Jeju United. O brasileiro inaugurou o marcador com uma cabeçada para a rede contrária, mas o meia Ricardo Goulart, a cumprir o terceiro ano no reputado time chinês do Guangzhou Evergande, empatou o encontro ao marcar o melhor gol do desafio, com um chute forte e colocado à entrada da área contrária. Campeão pelo Cruzeiro, Ricardo Goulart segue sendo um dos grandes destaques do Guangzhou, jogando preferencialmente como meia armador. A liderança do marcador foi devolvida ao Suwon Bluewings por Johnatan Goiano, atacante de 26 anos com passagem pelo Sport que antes de regressar ao “Leão da Ilha” para uma passagem discreta, já tinha estreado no futebol sul-coreano Daegu. Na tentativa de se manter na lideraçna do grupo G, o time chinês lutou contra a corrente e chegou ao gol do empate já na etapa final do desafio, com um gol do camisa 7 Alan, jogador que se destacou no Fluminense, construiu uma história na Europa ao serviço dos austríacos Red Bull Salzburg e está na China desde 2015. O empate na Coreia do Sul mantém os pupilos de Luiz Felipe Scolari na liderança do grupo G com quatro pontos em dois jogos.

Alex Teixeira mantém Jiansgu no topo do grupo H

Foto: "AP"

Foto: “AP”

O Jiangsu Suning se manteve na liderança do grupo H da Liga dos Campeões da Ásia ao levar a melhor sobre os australianos do Adelaide United por dois a um. Com o meia Ramires no time titular, jogador que já tinha definido a partida diante do Jeju United na ronda anterior ao marcar nos últimos instantes do encontro, desta vez, foi Alex Teixeira quem brilhou ao fazer os dois gols que deram a vitória ao Jiangsu treinado pelo coreano Choi Yong-Soo.

No outro desafio da chave, o Jeju United de Magno Cruz e Marcelo Toscano deu um passo em frente na luta pela presença nas oitavas da Liga dos Campeões da Ásia. A formação da Coreia do Sul goleou o Gamba Osaka no Japão por quatro a um. Os donos da casa tiveram Fábio Aguiar e Ademilson entre os titulares, com o jovem revelado pela base do São Paulo a descontar a favor do Gamba Osaka na marcação de uma grande penalidade.

Boas Apostas!