O Cruzeiro, campeão do Campeonato Brasileiro de 2013 e 2014, vem se preparando através de reforços para ter uma temporada melhor que em 2016, quando terminou o Campeonato Brasileiro na décima segunda colocação, conseguindo apenas uma vaga na Copa Sul-Americana. O meio-campista Thiago Neves, depois de uma longa novela, foi finalmente anunciado oficialmente como o mais novo reforço do Cruzeiro para a temporada de 2017.

Thiago Neves com a sua camisa do Cruzeiro.

Thiago Neves com a sua camisa do Cruzeiro.

O atual presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, durante a festa que comemorava os 96 anos do clube, já havia anunciado que Thiago Neves era o novo reforço da equipe mineira, assim como a conta oficial do Cruzeiro, que chegou a publicar a contratação. Porém, alguns minutos depois a publicação foi apagada e a contratação chegou a ser dada como encerrada, com a torcida começou a acreditar que o jogador não viria mais para Minas Gerais. A contração não pode ser anunciada antes por que o meio-campista ainda tinha que encerrar seu contrato com o clube do Emirados Árabes, o que aconteceu na tarde da quinta-feira (05). O brasileiro ainda tem pendências financeiras com o Al-Jazira, chegando a acionar a FIFA. O anúncio oficial definitivo foi feito na última quinta-feira, quando tanto o Cruzeiro quanto o próprio jogador publicaram mensagens e vídeos sobre a negociação, confirmando a vinda o meio-campista para o clube mineiro, onde ficará até o fim de 2019. “Olá, Nação Azul. Agora ninguém vai apagar. Pode retuitar, pode tuitar à vontade. Thiago Neves é do Cruzeiro. Tamo junto!”, afirmou o jogador em vídeo, repetindo a mensagem divulgada pelo clube mineiro.

O meio-campista Thiago Neves é a quarta contratação do Cruzeiro para essa temporada, tendo já anunciado o zagueiro equatoriano Luís Caicedo, que estava no vice-campeão da Libertadores, Independiente del Valle, o lateral Diego Barbosa,  que no último ano defendeu o Botafogo, e o volante Hudson, ex-São Paulo. Thiago deverá chegar ao Brasil na próxima semana e se apresentar junto com todo o elenco mineiro na próxima segunda-feira, 09, na Toca da Raposa, quando o clube iniciará sua preparação para a temporada de 2017.

Paranaense com rodagem no exterior

Thiago Neves defendendo o Fluminense.

Thiago Neves defendendo o Fluminense.

O meio-campista Thiago Neves Augusto nasceu em Curitiba, começando sua carreira nas categorias de base de um dos três principais clubes da capital, o Paraná, por quem foi revelado em 2005, aos vinte anos. Depois de ano defendendo a equipe paranaense, de um Campeonato Paranaense conquistado e problemas com os treinadores Luiz Carlos Barbieri e Álvaro Martins, o meio-campista foi emprestado ao Vegalta Sendai, do Japão, onde ficou durante um ano, disputando 36 partidas e marcando 32 gols. Voltando ao futebol brasileiro, Thiago Neves ainda passou mais um ano defendendo o Paraná, encerrando sua passagem pela equipe com 11 gols marcados em 29 partidas disputadas. Em 2007, foi contratado pelo Fluminense, onde teve uma ótima passagem, conquistando títulos individuais e coletivos, além de continuar marcando gols. Ficando no clube carioca até 2008, o meio-campista conquistou a Copa do Brasil de 2007 e o prêmio Bola de Ouro e de Prata de 2007, dado pela Revista Placar, além de 41 gols marcados em 83 partidas.

Meio-campista jogando pelo Al-Hilal.

Meio-campista jogando pelo Al-Hilal.

Ainda em 2008, Thiago Neves foi novamente para o exterior, sendo contratado pelo Hamburgo, da Alemanha, por € 9 milhões, onde ficou pouco tempo, marcando 12 gols em 10 partidas. Na sequência, o jogador foi emprestado ao Fluminense, ficando apenas alguns meses na equipe carioca. Em 2009, Thiago foi contrato pelo Al-Hilal, da Arábia Saudita, onde conquistou o Campeonato Saudita de 2009/10 e a Copa do Vice-Rei da mesma temporada, além de 32 gols marcados em 46 partidas. Alguns anos depois, voltou para o futebol brasileiro, sendo emprestado ao Flamengo, onde conquistou a Taça Guanabara, a Taça Rio e o Campeonato Carioca, todos em 2011, além de ter sido considerado o melhor jogador do Campeonato Carioca daquele ano e recebendo a Bola de Prata. Durante o ano que ficou na equipe carioca, Thiago Neves marcou 21 gols em 57 partidas, sendo um dos melhores jogadores do Flamengo naquele ano.

No ano seguinte, voltou ao Fluminense, onde dessa vez não conseguindo os mesmo resultados, marcando apenas 11 gols em 65 partidas, mas ajudando a equipe carioca na conquista dos Campeonatos Carioca e Brasileiro, ambos em 2012. Em meados de 2013, o jogador deixou o Brasil mais uma vez, transferindo-se para o Al-Hilal, onde ficou dois anos, disputando 79 partidas e marcando 39 gols. Já em 2015, foi para o Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, onde ficou até 2016, marcando apenas 10 gols.

Boas Apostas!