O técnico argentino Gerardo Martino, mais conhecido como Tata Martino, teve como seu último trabalho a seleção argentina, quando deixou o comando dez dias após perder o título da Copa América Centenário nos Estados Unidos, quando foi vice-campeão, perdendo para a seleção do Chile nos pênaltis. O técnico tem muita experiência, atuando desde 1998, já treinou seleções nacionais e inclusive o grande time espanhol Barcelona.

Tata Martino em sua apresentação no Atlanta United FC.

Tata Martino em sua apresentação no Atlanta United FC.

Agora na terça-feira (27), o técnico foi anunciado na mais nova franquia que fará parte da elite do futebol dos Estados Unidos, o Atlanta United FC, que participará da Major League Soccer a partir da próxima temporada. O presidente do clube norte americano Darren Eales comentou sobre a chegada do técnico Tata Martino “Sua grande experiência e sua trajetória tanto em clubes como em seleções falam por si só. Sua visão e abordagem casam muito bem com a filosofia do nosso clube. Estamos confiando muito nisso para ajudar e criar uma cultura vitoriosa dentro e fora de campo”. O técnico Tata Martino e o seu manager ex-jogador Carlos Bocanegra, vão ter a missão de construir um elenco totalmente do zero. A Major League Soccer permite através da draft de expansão, que as franquias contratarem jogadores dos times já existentes da liga, com isso os  novos times poderão “roubar” 5 jogadores dos seus concorrentes para o ano que vem.

O técnico Tata Martino já declarou que está muito satisfeito em fazer parte do projeto: “Estou muito feliz de me juntar ao Atlanta United como o primeiro técnico da história do clube. É um tempo animador para a MLS, e estou ansioso pelo desafio de comandar um time numa liga envolvente. O Atlanta United é uma organização de primeira, e estou ansioso para trabalhar e construir um dos melhores clubes da MLS”.

Atlanta United FC  e a Major League Soccer

Mercedes-Benz Stadium, casa do Atlanta United FC.

Mercedes-Benz Stadium, casa do Atlanta United FC.

O Atlanta United FC é um time novo que estreará na MLS (Major League Soccer) a partir da próxima temporada. A MLS é uma das ligas de futebol profissional que mais crescem no mundo, por se tratar de uma potência econômica e o país ter a intenção de promover o “Soccer”, a expansão está acontecendo em passos largos. A liga já conta com a participação de grandes jogadores do futebol mundial como Steven Gerrard, Robbie Keane, David Villa, Frank Lampard, Andrea Pirlo, Shaun Wright Phillips, Júlio Cesar, Thierry Henry, Andreas Gorlitz e os brasileiros Júlio Baptista e Kaká.

O Atlanta United FC chega muito forte para esta próxima temporada, já que Tata Martino poderá montar uma equipe do zero e contará com um grande projeto a seu favor. Uma das grandes novidades da franquia é o seu novo estádio que está em construção, a “Mercedes-Benz Stadium”, a qual será a casa do Atlanta United, uma projeto grandioso que custou cerca de $ 1.4 Bilhão (R$ 4.5 Bilhões), com um design futurístico e com teto retrátil que abre e fecha de maneira espetacular. O Mercedes-Benz Stadium que recebeu este nome graças a um patrocínio de Naming Rights de $ 250 Milhões ( R$ 810 Milhões) pago pela montadora de automóveis alemã Mercedes Benz, o estádio terá capacidade para 71 mil lugares.

Video do projeto do “Mercedes-Benz Stadium” Clique aqui

Uma carreira no futebol

Tata Martino na época que treinou o Barcelona.

Tata Martino na época que treinou o Barcelona.

Tata Martino atuou como jogador de futebol, atuava como meia e o principal clube que defendeu foi o clube argentino Newell’s Old Boys, clube que defendeu em três momentos diferentes em sua carreira de jogador de futebol ((1980-90, 1991-94 e 1995), em 1996 Tata chegou a jogar pelo clube espanhol Barcelona, ano que se aposentou jogando pelo clube chileno Deportivo O’Higgins. Já como técnico, Tata Martino iniciou em 1998 no Libertad (2002/03 e 2005/06), passando por clubes como Cerro Porteño (2003/04), seleção do Paraguai (2006 a 2011) onde chegou a levar a seleção paraguaia as quartas de final da Copa do Mundo de 2010 na África do Sul. Quase conquistou a Copa América em 2011, na Argentina, terminando a competição como vice-campeão. Voltou para o Newell’s Old Boys, agora como técnico, em 2013 levou o time as semifinais da Copa Libertadores da América, sendo eliminado pelo Atlético Mineiro. Em 2013 mesmo, foi treinar o Barcelona e conquistou a Supercopa da Espanha.

Em 2014 foi comandar a seleção argentina e chegou a quase conquista da Copa América por duas ocasiões, na Copa América do Chile em 2015 e na Copa América Centenário nos Estados Unidos em 2016. A Argentina ficou com dois vice-campeonatos, perdendo nos pênaltis para o Chile nas duas ocasiões. Dez dias após a perda do título da Copa América Centenário dos Estados Unidos, o técnico deixou a seleção argentina. Agora Tata Martino é anunciado como o técnico da nova franquia da MLS, o Atlanta United.

Boas Apostas!