A seleção brasileira chegou à cidade de Quito, Equador, na última segunda-feira (29), onde deu início a preparação para a partida que disputará no início de setembro contra a seleção equatoriana pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, partida a qual marcará a estreia do técnico Tite como novo treinador da seleção brasileira. Porém, dois dias antes que a seleção brasileira viajasse para a capital do Equador, nossa seleção acabou sofrendo uma baixa, o zagueiro campeão olímpico Rodrigo Caio, que atualmente joga no São Paulo e foi cortado da seleção no último sábado (27) depois de sentir uma lesão na coxa direita. A informação foi dada em nota oficial divulgada pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol), onde a entidade informou que o zagueiro de 23 anos havia se lesionado durante o treinamento da equipe são-paulina na tarde de sábado e não poderá participar das duas partidas que o Brasil disputará no começo de setembro pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, onde a seleção brasileira ocupa atualmente a sexta colocação, estando fora da zona de classificação para o mundial. “Em contato com o médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, o departamento médico do São Paulo informou que Rodrigo Caio teve um estiramento no músculo adutor da coxa direita, o que o impedirá de participar do próximo jogo de sua equipe e, consequentemente, de se apresentar à seleção”, escreveu a entidade máxima do futebol brasileiro em seu site oficial.

Rodrigo Caio na seleção

Rodrigo Caio foi campeão olímpico em 2016.

Rodrigo Caio foi campeão olímpico em 2016.

O zagueiro Rodrigo Caio fez sua estreia pela seleção brasileira em 2012, quando participou pela seleção sub-20 do Quadrangular Internacional, que contava com as seleções do Brasil, Argentina, Chile e Uruguai. Na competição, a seleção brasileira chegou até a final enfrentando a seleção argentina, vencendo o grande adversário por 1×0 com um gol justamente de Rodrigo Caio. Dois anos depois, em 2014, ele voltou para a seleção, sendo convocado pela seleção sub-21 e disputando o Torneio de Toulon, onde a seleção brasileira foi campeã e Rodrigo Caio foi eleito o melhor jogador do torneio. “Foi uma emoção muito grande vestir a camisa da Seleção, porque é uma sensação única. Estou muito feliz pela oportunidade, principalmente com a conquista, e levarei essa experiência para sempre comigo”, afirmou o jogador na época.

Depois de ganhar destaque tanto no São Paulo quanto na seleção brasileira, o zagueiro foi citado pela imprensa inglesa, que afirmou que o jogador “se parece com Kaká, mas joga como Dunga”. Em maio de 2016, o zagueiro fez sua estreia pela seleção principal, jogando em um amistoso contra a seleção do Panamá, onde o Brasil venceu por 0x2. Depois, Caio ainda participou da equipe que disputou a Copa América, onde nossa seleção não foi bem, e conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio, atuando como zagueiro titular durante toda a competição olímpica, Rodrigo Caio foi de extrema importância na conquista da medalha dourada, ajudando o Brasil com um histórico de cinco jogos sem sofrer gols nas Olimpíadas, terminando a competição com apenas um gol sofrido.

Geromel substitui Rodrigo Caio

Pedro Geromel atuando pelo Grêmio.

Pedro Geromel atuando pelo Grêmio.

A seleção brasileira apressou-se para arrumar um substituto para Rodrigo Caio. No mesmo dia em que Rodrigo Caio foi cortado, a CBF anunciou o zagueiro que ficará no lugar do jogador são-paulino. Pedro Geromel, que atualmente joga no Grêmio, foi o escolhido por Tite para assumir a posição. O zagueiro gremista fará sua estreia com a camisa da seleção brasileira, já que não foi convocado nem nas categorias de base e nem pela seleção principal do Brasil durante sua carreira. O jogador de 30 anos esteve em quase toda a sua carreira jogando por clubes europeus, mas foi quando chegou ao Grêmio, em 2013, que se tornou conhecido no futebol brasileiro, onde venceu o prêmio de Bola de Prata Placar/ESPN de 2015. Como a convocação da seleção brasileira aconteceu no sábado, Pedro Geromel desfalcou o Grêmio na última rodada do Brasileiro, disputada no domingo, quando a equipe gremista empatou em casa em 1×1 com o Atlético-MG e o zagueiro ainda deverá desfalcar o Grêmio na próxima rodada, contra o Coritiba no dia 07 de setembro.

O zagueiro Pedro Geromel e a seleção brasileira disputarão no próximo domingo, 04, a sétima rodada das Eliminatórias da América do Sul para a Copa do Mundo de 2018, contra a seleção do Equador às 17h30 (horário de Brasília) no Estádio Metropolitano Barranquilla. E no próximo dia 06 na seleção do Brasil jogará contra a Colômbia pela oitava rodada das Eliminatórias, às 21h45 (horário de Brasília) na Arena da Amazônia.

Boas Apostas!