Javier Saviola trilhou um percurso invejável dentro dos gramados, representando alguns dos maiores emblemas do futebol europeu após deixar o “seu” River Plate, clube que viria a representar antes de se retirar. Após “pendurar as chuteiras”, “El Conejo”, como é carinhosamente conhecido, inicia sua carreira de treinador.

Foto: "La Prensa"

Foto: “La Prensa”

A poucos meses de cumprir 36 anos de idade, Javier Saviola encarar um novo desafio. O ex-atacante argentino está a tirar os primeiros níveis de treinador do curso UEFA e se prepara para ter as primeiras experiências a nível técnico em Andorra. Esta segunda-feira (25), a Federação andorrenha de futebol anunciou que Javier Saviola irá treinar uma equipa de base da Enfaf Crèdit Andorra e ajudará Óscar Sonejee – internacional por Andorra  durante largos anos – na coordenação das seleções de base de Andorra. Importa referir que o Enfaf Crèdit Andorra é um time formado pela Federação que disputa seu jogos em uma divisão catalã. A residir no Principado há algum tempo, Saviola, segundo o jornal “Marca”, Javier Saviola demonstrou interesse em trabalhar na Federação espanhola. Para já conta apenas com os níveis A e B do curso UEFA, se encontrando a finalizar o próximo grau para, aí sim, poder ter acreditação profissional.

Uma admirável carreira

O trajeto futebolístico de Javier Saviola só pode ser um motivo de inspiração para os jovens andorrenhos. Após abandonar o Monumental Núñez que foi seu e do companheiro Aimar, “El Conejo” rumou a Espanha para representar o Barcelona na temporada 2001/02, permanecendo no time da “Cidade Condal” por três temporadas e passando posteriormente por duas épocas de empréstimo a Mónaco e Sevilha. Ainda voltou a representar o Barcelona na época 2006/07, se transferindo posteriormente para o Real Madrid, time que representou durante duas temporadas sem grande sucesso. O Benfica proporcionou um novo desafio ao jogador, reencontrando Pablo Aimar na Luz para voltar a formar uma dupla de sucesso. Após três épocas em Portugal, rumou ao Málaga participando da ótima campanha do clube espanhol na Liga dos Campeões. Ainda juntou Grécia e Itália à sua carreira para representar Olympiakos e Hellas Verona, regressando à “casa mãe” para encarrar a carreira, no seu River Plate.

Enquanto jogador, Javier Saviola apresenta um ótimo palmarés. Uma edição da Libertadores e uma Liga Europa a nível continental de clubes, vencendo uma edição da liga espanhola, duas do campeonato argentino (apertura/clausura), um campeonato português, três taças da liga portuguesa, dois campeonatos da Grécia e duas edições da Supercopa espanhola. A nível de seleções, o internacional argentino conquistou o Mundial de sub-20 e o torneio Olímpico de futebol.

Boas Apostas!