No segundo dia dedicado à disputa das partidas de ida das oitavas da Liga dos Campeões, o Borussia Dortmund viaja até Wembley para medir forças com o Tottenham e o campeão europeu em título Real Madrid joga em Amesterdão com o Ajax. As duas partidas estão agendadas para as 18 horas, horário de Brasília.

“Spurs” enfrentam Borussia em queda

Foto: "PA"

Foto: “PA”

O Tottenham encara essa partida de ida das oitavas da Liga dos Campeões na sequência de três vitórias consecutivas, mas as últimas semanas têm sido tudo exceto um “mar de rosas” para o time londrino que tem estado privado de referências como Harry Kane, Dele Alli (lesionados) ou Son, jogador que esteve ao serviço da Coreia do Sul na Copa das Nações Asiáticas. Os dois internacionais ingleses ainda não deverão participar dessa partida e suas ausências enfraquecem a formação tutelada por Mauricio Pochettino. Assim, no trio da frente, Eriksen deverá surgir no apoio à dupla Son-Llorente. Vale referir que o Tottenham apontou pelo menos um gol em todos os encontros que disputou nessa fase de grupos da Liga dos Campeões e, apesar das ausências já citadas, só não conseguiu chegar ao gol por uma vez nos últimos cinco desafios que disputou.

O Borussia, por sua vez, permitiu a aproximação da concorrência nas últimas duas rodadas da Bundesliga e pelo meio se despediu da Copa alemã ao perder na decisão através de marcação de grandes penalidades com o Werder Bremen. No último final de semana, o time do Westfalen vencia o Hoffenheim por três a zero a 25 minutos do fim, mas se deixou empatar de forma surpreedente, restando saber que impacto terá no time. A defesa do Borussia Dortmund de Lucien Favre não tem sido particularmente consistente, bastando olhar à estatística recente para perceber isso – nos últimos dez encontros que disputou, o Borussia Dortmund só manteve sua baliza inviolável em duas ocasiões. O técnico da equipe germânica também tem ausências a lamentar, uma vez que Marco Reus, Piszczek, Julian Weigl e Paco Alcácer não reúnem condições para ir a jogo.

O encontro entre dois times fortes no último terço do terreno promete.

Campeão em título vai à casa do jovem Ajax

Vencedor máximo da prova e atual campeão em título, o Real Madrid já passou por vários percalços nessa temporada também em contexto de Liga dos Campeões, ao perder os dois embates com os russos do CSKA de Moscovo (1-0; 0-3), o segundo já sob as ordens de Santiago Solari. No entanto, a situação atual é bem diferente daquela que o elenco madridista vivia há dois meses atrás. A recuperação chegou em boa hora e o Real viaja até Amesterdão na sequência de sete jogos sem perder, série em que só não venceu no reduto do Barcelona (1-1) para a Copa do Rei. A vitória por três a uma no Wanda Metropolitano diante do Atlético de Madrid parece ter sido o “tónico” que falta ao time do Bernabéu, de volta à briga pelo campeonato espanhol, com boas possibilidades de alcançar a final da Copa do Rei e com tudo para jogar na Liga dos Campeões. Os problemas no vestiário aparentam estar resolvidos e as principais figuras do time recuperadas de lesão.

O Ajax de Amesterdão se apurou a partir do grupo E, partilhado com Bayern, Benfica e AEK de Atenas. O time de Amesterdão vinha cumprindo uma campanha bem interessante na atual temporada e conta com os “wonderkids” de Ligt, de Jong e Kasper Dolberg, para lá dos talentosos Dusan Tadic e Hakim Ziyech, por exemplo. Após uma incrível série de 21 jogos oficiais sem perder, os “Godenzonen” caíram com estrondo na visita à famosa “Banheira de Roterdão” para enfrentar o Feyenoord (6-2) e no último final de semana voltaram a perder fora de portas frente ao Heracles Almelo (1-0). Após empatar os dois encontros disputados com o Bayern de Munique (1-1; 3-3), o Ajax quer fazer frente ao campeão em título.

Boas apostas!