Giuseppe Marotta, diretor da Juventus, já tinha avisado que nesse mercado ainda chegaria um “médio importante” ao elenco orientado por Massimiliano Allegri. A imprensa italiana rapidamente avançou o nome de Blaise Matuidi, internacional pela França que está a um pequeno passo de se tornar reforço da hexacampeã da Itália.

A Juventus continua bem ativa nessa janela de transferências europeia, mesmo depois de já ter garantido os serviços de Wojciech Szczesny, Mattia de Sciglio, Fede Bernardeschi e Douglas Costa. Esta quarta-feira, a imprensa italiana avança que está à vista mais uma troca entre duas equipas que ambicionam conquistar a Liga dos Campeões da próxima temporada. De um lado, a Juve, emblema cujos responsáveis têm procurado reforçar cirurgicamente de forma a tentar abandonar o estatuto de “vice” e efetivar a conquista da tão desejada “orelhuda”, do outro, um PSG que apostou suas fichas na contratação mais cara de todo o sempre: a do brasileiro Neymar Jr.

20 milhões em causa

Foto: "Photo Icon Sport"

Foto: “Photo Icon Sport”

Os italianos escrevem que a transferência deverá envolver um valor base na ordem dos 20 milhões de euros, podendo a parada subir mediante o cumprimento de objetivos. O jogador de 30 anos que também possui nacionalidade angolana deverá chegar esta quarta-feira a Turim para ultimar os pormenores da transferência e posteriormente cumprir os exames médicos. Internacional pela França, o jogador esteve cerca de seis anos na capital da França, uma vez que havia sido contrato em 2011 ao Saint-Étienne. Sem garantia de titularidade no PSG 2017/18, Matuidi achou por bem abraçar um novo desafio.

A opção da Juve por Blaise Matuidi não surpreende, até porque o setor intermediário é o setor que mais necessita de reforçar, não pela falta de qualidade, mas sim pela falta de quantidade até comparativamente à defesa e ataque. Com o venezuelano Tomás Rincón emprestado ao Torino, o jovem Rolando Mandragora cedido ao Crotone e o futuro do “caçula” Fabrizio Caligara (17 anos) indefinido, as certezas da “Vecchia Signora” para o meio são Miralem Pjanic, Sami Khedira, Claudio Marchisio, Stefano Sturaro e Rodrigo Betancur. Se a isto juntarmos as duvidas sobre a afirmação do jovem uruguai e a incerteza quanto à condição física de Claudio Marchisio, muito fustigado na época passada, parece devidente que a Juve necessita de alguém para o meio. Blaise Matuidi chega para suprimir essa lacuna e dar um tipo de solução diferente. Três dias após a surpreendente derrota na Supercopa italiana para a Lazio, a Juve apresenta aquele que deverá ser o último reforço de verão para a temporada, a menos que se dê alguma saída do atual elenco até ao fecho.

Boas Apostas!