Na Europa do futebol, o dia 31 de janeiro é sempre particularmente agitado, ou não estivéssemos a falar do último dia do mercado de transferências de inverno. As negociações se precipitam até os últimos segundos da noite, mas há quem já tenha selado acordos bem importantes ao longo do mês. Hoje olhamos para cinco reforços de inverno de equipas espanholas que poderão pegar destaque no segundo turno da La Liga.

Álvaro Morata (Atlético de Madrid)

Foto: "Atlético de Madrid"

Foto: “Atlético de Madrid”

O atacante espanhol não convenceu o italiano Maurizio Sarri e retornou às origens: à “sua” cidade de Madrid, para representar um emblema que defendeu nas categorias de base, o Atlético de Madrid, embora tenha construído sua história com a camisa do rival Real. Álvaro Morata chega ao Wanda Metropolitano para aumentar o número de soluções de Diego Simeone para a frente de ataque, situação bem importante tendo em conta tanto a lesão de Diego Costa quanto o momento menos bom que atravessa o croata Nikola Kalinic. Para já, veste a camisa dos “Colchoneros” a título de empréstimo.

Kevin Prince-Boateng (Barcelona)

Em um “raide” inesperado, o Barcelona foi a Itália recrutar os serviços de Kevin Prince-Boateng, antigo internacional pelo Gana que estava ao serviço do Sassuolo. Conhecido por seus casos de indisciplina, Boateng chega ao Camp Nou por empréstimo e reforça as opções de Ernesto Valverde para a frente de ataque. Uma solução de recurso que suscita, no mínimo, curiosidade, sendo que Boateng já foi utilizado por Valverde nesse mês de janeiro. Vale lembrar que em 2016/17 Boateng também atuou em Espanha, ao serviço do Las Palmas.

Wu Lei (Espanyol)

Para o torcedor europeu assim como para o sul-americano, Wu Lei poderá ser um ilustre desconhecido, mas a verdade é que falamos de uma grande figura do futebol asiático. Conhecido como “Maradona chinês”, aos 27 anos, o atacante que partilhava o vestiário com Hulk, Oscar e Elkeson no Shanghai SIPG vai cumprir sua primeira aventura no futebol europeu, após 13 anos de ligação a um só emblema. Os seus números na competitiva Superliga chinesa são bem interessantes e Wu Lei poderá vir a surpreender na “Cidade Condal”. O time do Cornellà El-Prat investiu nesse mercado de inverno para reforçar o leque de opções sob tutela de Rubi e para o ataque também fechou a contratação de Facundo Ferreyra, argentino cedido pelo Benfica.

Vicente Iborra (Villarreal)

Época e meia após a partida com destino a “Terras de Sua Majestade”, Vicente Iborra retorna ao futebol espanhol pela porta do Villarreal. O “submarino amarelo” tem navegado em águas bem tenebrosas e viu no experiente Iborra uma peça que poderá vir a ser fulcral para assegurar a manutenção, adquirindo seus serviços ao Leicester por 10 milhões de euros. Aos 31 anos, o meia vai representar seu terceiro clube em Espanha, após passagens por Levante e Sevilha.

Jesé (Bétis)

Polêmico fora dos gramados, Jesé Rodríguez retorna  a Espanha para encarar essa segunda metade da temporada. O jogador de 28 anos, revelado pelo Real Madrid, é propriedade dos franceses do PSG desde a temporada 2016/17, mas nunca foi capaz de se impor na capital gaulesa. Cedido a Las Palmas e Stoke City pelo PSG, desta feita, seu destino é Sevilha para representar o Bétis de Quique Setién. Jesé chega ao Benito Villamarín por empréstimo dos parisinos.

Boas apostas!