A edição desta quarta-feira do jornal “O Jogo”, diário desportivo português, escreve que Luizão (São Paulo) está perto de se tornar reforço do Porto. Os responsáveis do time português permanecem atentos à base do clube Paulista.

LuizaoA cedência de Maicon estreitou a relação entre São Paulo e Porto. O time português continua tirando dividendos da permanência do zagueiro brasileiro no “Tricolor Paulista”. Depois de ter fechado com Inácio Santos, lateral de 21 anos que chegou ao São Paulo em 2014 proveniente do Bahia, os “dragões” estarão perto de contratar mais um jogador da base Paulista. O jovem volante Luizão poderá ser o próximo a desembarcar em Portugal, com o plano adoptado para Inácio a poder ser aplicado para o jogador que, ao que tudo indica, se transferirá em julho deste ano. Nas páginas de “O Jogo” se pode ainda ler que Marquinhos Cipriano foi o atleta da base do São Paulo que despertou maior interesse por parte dos responsáveis do Porto, embora desde logo tenham feito saber junto dos responsáveis do time Paulista que não têm disponibilidade para baterem a multa que neste momento é de 30 milhões de euros. A imprensa internacional tem colocado o jovem atacante de 18 anos na rota de grandes clubes europeus, apesar de nenhum parecer disposto a investir uma quantia tão elevada em um jovem que ainda nem estreou com o time principal do São Paulo. Pouco tempo depois de o jogador ter chegado em São Paulo proveniente do Desportivo Brasil, a imprensa brasileira falou que o Atlético de Madrid teria realizado uma proposta de R$ 7 milhões pelo passe de Cipriano, rejeitada tanto pelo próprio como pelo clube. O jogador atua com os sub-20 do São Paulo desde os 17 anos.

Luizão para o time B

Luiz Gustavo Novaes Palhares é da geração de 1998, atua no time sub-19 Paulista e é um dos jogadores da base do clube que os responsáveis da prospeção do Porto mais apreciam. Caso a movimentação se concretize, o jogador será integrado no time reserva do Porto, atualmente no segundo escalão do futebol português. Inácio tem sido opção regular para no time, de tal forma que leva já 24 partidas disputados com o Porto em versão B. A mesma fonte cita que Nuno Espírito Santo, técnico do time principal, estará atento ao trabalho desenvolvido pelo meia, até porque o mercado de verão poderá proporcionar a abertura de uma vaga para a posição de volante. Nesse momento, Danilo Pereira, internacional por Portugal, é o titular indiscutível na posição. Rúben Neves, apontado como um dos jovens portugueses mais promissores, vive na sombra de Danilo, apresentando qualidade suficiente para atuar caso seja chamado à titularidade.

Boas Apostas!