Oito emblemas em prova, seis deles ex-campeões e quatro eliminatórias que prometem. As partidas de ida relativas às quartas da Liga dos Campeões 2018/19 vão ser disputadas nessa semana. Olhemos para o histórico de confrontos entre os times que brigam pelas quatro vagas nas semis.

Liverpool – Porto

Foto: "Liverpool FC"

Foto: “Liverpool FC”

Uma época depois de terem estado frente a frente nas oitavas da Liga dos Campeões, Liverpool e Porto voltam a se enfrentar, desta feita nas quartas. Contrariamente ao que aconteceu nessa ocasião, o primeiro enfrentamento vai decorrer no Anfield e não no estádio do Dragão. Ainda assim, a verdade é que o factor casa não teve grande impacto no duelo entre “Reds” e “dragões” na Liga dos Campeões 2017/18 – o Liverpool foi a Portugal vencer por cinco a zero na partida de ida e na volta, em Liverpool, se limitou a gerir, empatando sem gols. A superioridade evidenciada pelo Liverpool nesse confronto é o reflexo de um histórico amplamente favorável ao time britânico: em seis confrontos oficiais entre os dois times (quatro para a Champions, dois para extinta Taça UEFA), se registaram três vitórias do Liverpool, sempre por dois ou mais gols de diferença, e três empates. Em termos absolutos, o Porto apontou dois gols e o Liverpool 12. O Porto não pode alterar a história, mas procura dar melhorar o seu registo esta noite no Anfield, a partir das 17h00 – horário de Brasília.

Tottenham – Manchester City

Duelo de compatriotas entre os únicos dois emblemas que seguem em prova e nunca conquistaram uma edição da Liga dos Campeões/Taça dos Campeões Europeus. Ao todo, Tottenham e Manchester City já e enfrentaram 156 vezes e a verdade é que o histórico é bem equilibrado, com 60 triunfos do Tottenham, 61 do Manchester City e 35 igualdades. Os dois times vão estar frente a frente pela primeira vez em cenário europeu e esse enfrentamento agendado para essa noite no recém-inaugurado estádio do Tottenham corresponderá ao segundo confronto entre os times na temporada. O primeiro, disputado em Wembley, terminou com uma vitória dos “Citizens” por um a zero. Os últimos três duelos entre “Spurs” e “Citizens” foram todos ganhos pelo time mandado por Pep Guardiola.

Manchester United – Barcelona

Dois históricos em confronto. Manchester United e Barcelona voltam a estar frente a frente em uma eliminatória bem tensa, ou não se tratassem das quartas da Liga dos Campeões, nada de novo para os dois times que nas últimas vezes em que se enfrentaram, foi nada mais nada menos que na discussão do troféu. Os “Blaugrana” fizeram a festa em ambas as ocasiões – na temporada 2008/09, o Barcelona de Pep Guardiola bateu o United de Cristiano Ronaldo no estádio Olímpico de Roma por dois a zero, ao passo que duas temporadas depois, em Wembley, os “Blaugrana” voltaram a fazer a festa com um triunfo frente aos “Red Devils” por três a um. Desde então, Barça e United não mais se encontraram, pelo menos até essa quarta-feira. O maior feito do Manchester United em embates com o Barcelona aconteceu na decisão da Copa das Copas da temporada 1990/91, com vitória inglesa por um a zero. Em termos absolutos, o Barcelona leva vantagem com quatro vitórias contra três do United em 11 desafios. O Barcelona, se sublinhe, nunca venceu em Old Trafford.

Ajax – Juventus

Se Manchester United e Barcelona já têm duas decisões entre si disputadas, a verdade é que o mesmo se passa com Ajax e Juventus. O primeiro enfrentamento da história entre holandeses e italianos aconteceu na Taça dos Campeões Europeus 1972/73. Um gol de Johnny Rep aos quatro minutos do desafio disputado em Belgrafo permitiria ao Ajax e Johan Cruijff conquistar o troféu. No entanto, em 1996, em uma final disputada em Roma, a decisão chegaria até as últimas consequências e seria a Juve de Ciro Ferrara, Didier Deschamps, Paulo Sousa, Antonio Conte, Vialli, Del Piero e Ravanelli a fazer a festa após a decisão através da marcação de pênaltis. Contas feitas, em decisões, há um sucesso para cada lado. Desde essa final de 1996, Ajax e Juve se enfrentaram mais quatro vezes na prova, duas nas semis e outras tantas na fase de grupos, sempre com vitórias da “Vecchia Signora”. Os dois times se enfrentaram a título oficial pela última vez nas 16 avas da Liga Europa 2009/10 e foi a Juve a avançar graças a uma vitória por 1-2 na Arena de Amesterdão que antecedeu um empate sem gols em Turim.

Boas apostas!