A trajetória do meio-campista Frank Lampard no clube norte-americano New York City está chegando ao fim. O clube anunciou na última segunda-feira (14) através do seu site oficial que não renovará o seu contrato com o jogador inglês de 38 anos, contrato o qual se encerra no dia 31 de dezembro deste ano. Quem também se pronunciou sobre o assunto foi o próprio jogador, que em sua rede social oficial agradeceu a todos pelos dois anos que esteve no New York. “Eu gostaria de agradecer às pessoas pelo apoio nesses últimos dois anos. Meus companheiros de time, os quais eu tive o prazer de ter ao meu lado, os torcedores maravilhosos que me deram apoio sempre. Eu gostei muito do tempo que fiquei aqui e sou muito agradecido por ter tido a oportunidade de jogar em um time tão grande e em uma cidade incrível”, afirmou o jogador que ainda deixou o futuro da sua carreira em aberto. “E vou fazer um anúncio muito em breve”.

O meio-campista que se tornou ídolo do Chelsea chegou ao clube norte-americano em 2014 e desde então realizou trinta e uma partidas, marcando 15 gols e não conquistando nenhum título. Na primeira fase da Major League Soccer de 2016, primeira divisão do futebol norte-americano, o New York City ficou na segunda colocação da Conferência Leste, três pontos atrás do líder New York RB, e no início de novembro acabou sendo eliminado nas semifinais pelo Toronto.

Carreira do inglês

Frank Lampard jogando pelo Chelsea.

Frank Lampard jogando pelo Chelsea.

Frank Lampard iniciou sua carreira nas categorias de base do West Ham United, contando com a ajuda do seu tio, Harry Redknapp que era treinador do West Ham, e de seu pai, Frank Lampard Sr., então assistente. No início da sua carreira, o meio-campista sofreu com preconceito da imprensa e torcida, que afirmavam que o jogador estava na equipe por causa da família. Em julho de 1994 assinou seu primeiro contrato como jogador profissional, assinando com o West Ham e no ano seguinte foi emprestado ao Swansea City para adquirir experiência. Em 1997, voltou ao West Ham e conseguiu bons resultados, conquistando a Copa Intertoto da UEFA de 1999, despertando o interesse de grandes equipes europeias.

Em junho de 2001, Lampard assinou contrato com o Chelsea, onde começou a ter bons resultados depois da venda do clube para o russo Roman Abramovich, que investiu pesado na equipe inglesa, comprando jogadores de qualidade. Com esse elenco, Lampard se tornou em um dos melhores jogadores do Mundo, conquistando treze títulos entre 2001 e 2014, período que defendeu as cores do Chelsea. Na passagem pela equipe inglesa, Frank Lampard conquistou três vezes o Campeonato Inglês (2004/05, 2005/06, 2009/10), quatro vezes da Copa da Inglaterra (2006/07, 2008/09, 2009/10, 2011/12), duas vezes a Copa da Liga Inglesa (2005, 2007), duas vezes a Supercopa da Inglaterra (2005, 2009), uma vez a Liga dos Campeões (2011/12) e uma vez a Liga Europa da UEFA (2012/13). Depois do Chelsea, o meio-campista foi para o New York City, sendo emprestado para o Manchester City em 2014 e 2015.

Gerrard também deixa clube norte-americano

Gerrard jogando pelo Los Angeles Galaxy.

Gerrard jogando pelo Los Angeles Galaxy.

No mesmo dia em que a saída de Frank Lampard foi confirmada, o também inglês Steven Gerrard praticamente anunciou sua saída do Los Angeles Galaxy. Na última segunda-feira (14) o meio-campista publicou uma foto na sua rede social oficial dando adeus à famosa cidade norte-americana. “Lugar especial, vista incrível. Vou sentir sua falta, LA”. Aos 36 anos de idade, Steven Gerrard ainda não confirmou se seguirá sua carreira em outras equipes nos Estados Unidos ou em qualquer país. Há algum tempo, quando em maio do ano passado deixou o Liverpool, o meio-campista havia afirmado que o Los Angeles Galaxy seria a última equipe da sua carreira. Porém, segundo ele mesmo informou, estaria repensando no assunto, já que o Celtic da Escócia e o Newcastle da Inglaterra, que atualmente joga na segunda divisão inglesa, estariam interessados em contratar o jogador.

Na sua carreira, Steven Gerrard passou apenas pelo Liverpool e pelo Los Angeles, sendo que na equipe inglesa ficou entre os anos 1998 e 2015, conquistando onze títulos nesse período. Foram três vezes a Copa da Liga Inglesa (2000/01, 2003/04, 2011/12), duas vezes a Copa da Inglaterra (2000/01, 2005/06), duas Supercopas da Inglaterra (2001, 2006), duas Supercopa Europeias (2001, 2005), uma Copa da UEFA (2000/01) e uma Liga dos Campeões (2004/05).

Boas Apostas!