Chegamos ao fim da 36ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2016 e já temos três times rebaixados para a Série B. Primeiro tivemos o rebaixamento do Santa Cruz quando perdeu jogando fora contra o Coritiba, partida que perdeu por 1×0. No mesmo dia, só que em um horário posterior, o América Mineiro também foi matematicamente rebaixado, jogando em casa, o time mineiro perdeu por 0x1 para o visitante Flamengo, que na ocasião ainda tinha chances de título. O clube catarinense Figueirense, naquela rodada (35ª), empatou em 1×1 em casa contra o Corinthians e já tinha ficado em uma situação complicada na tabela de classificação.

A rodada que sacramentou a queda do Figueirense para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro foi a 36ª, rodada qual o Figueira visitou o Vitória, time qual também se encontrava em uma situação complicada, porém mostrou a força em seus domínios e venceu por 4×0 e rebaixou o Figueirense definitivamente. O grande responsável pela boa partida do time do Vitória foi o atacante Marinho, com duas assistências e um gol, foi o nome do jogo.

O primeiro técnico da campanha do Figueirense

Técnico Vinícius Eutrópio no comando do Figueirense.

Técnico Vinícius Eutrópio no comando do Figueirense.

O ano de 2016 termina de forma triste, o time que foi campeão catarinense em 2015 e chegou ao fim do Campeonato Brasileiro de 2015 com somente 1 ponto a mais que o conterrâneo Avaí, o qual foi rebaixado e agora este ano, coincidentemente conseguiu acesso para o Brasileirão de 2017. Agora em 2016, o Figueirense acaba rebaixado após uma campanha irregular, a qual nem com várias mudanças de técnicos conseguiu se salvar.

Inicialmente o Figueirense começou o Campeonato Brasileiro com o técnico Vinícius Eutrópio, técnico que em sua primeira passagem pelo clube, conseguiu conquistar o primeiro título estadual do time, campeão catarinense de 2014. Em 2015 conseguiu um vice-campeonato estadual e iniciou sua campanha na Série A de 2016, conseguindo ficar até a décima quarta rodada quando perdeu na Arena Grêmio por 2×1 e foi demitido. Ao total, Vinícius Eutrópio  três vitórias, seis empates e cinco derrotas, conquistando quinze pontos dos quarenta e dois disputados. O maior fator que prejudicou bastante o desempenho do técnico foi o grande número de empates, resultado que em campeonato de pontos corridos é muito prejudicial ao time.

Outros três técnicos

Técnicos Argel Fucks, Tuca Guimarães e Marquinhos Santos.

Técnicos Argel Fucks, Tuca Guimarães e Marquinhos Santos.

Após Vinícius Eutrópio ser demitido na 14ª rodada, Argel Fucks assumiu já na 15ª rodada no jogo em casa contra o Chapecoense e empatou em 1×1. Seria o primeiro de seis jogos que Argel ficaria no comando do time. O técnico se demitiria após uma derrota em casa para o Cruzeiro na 20ª rodada por 1×2. Ao total nestes seis jogos em que esteve no comando do Figueirense, Argel Fucks conseguiu uma vitória, três empates e duas derrotas. Após a saída de Argel Fuck, o auxiliar técnico Tuca Guimarães comandaria o time durante as seis próximas partidas, conseguindo duas vitórias, um empate e três derrotas, um desempenho considerável, só que após a derrota fora de casa por 2×0 para o Flamengo, foi substituído por Marquinhos Santos que estreou bem em um jogo em casa contra o fraco Santa Cruz, jogo que venceu por 3×1 em partida válida pela 27ª rodada.  Porém, esta seria a única vitória que Marquinhos Santos conseguiria no comando do Figueirense. Desde que assumiu o time, Marquinhos conquistou uma vitória, três empates e  seis derrotas. Talvez, a escolha certa deveria ter sido continuar com Tuca Guimarães, que embora não tivesse nome e fosse apenas um auxiliar técnico, vinha conquistando pontos, o que não aconteceu com o técnico Marquinhos Santos. Um dos responsáveis pela falta de paciência com os técnicos do Figueirense é o presidente Wilfredo Brillinger, presidente que assumiu o Figueirense no fim de 2012 e desde então já teve nove técnicos contando com Marquinhos Santos. Acusado por muitos por ser impaciente, o presidente do clube pode realmente ter sido um dos responsáveis pelo rebaixamento do clube catarinense.

Boas Apostas!