A semana fica marcada pelo início de mais uma edição da competição de clubes mais glamorosa do planeta. O pontapé de saída na fase de grupos da UEFA Champions League 2017/18 será dado esta terça-feira (12), com a realização de nada mais nada menos que oito jogos. Grupos A, B, C e D em andamento.

Grupo A

UCLO grupo A arranca em dois dos principais palcos do futebol europeu: O estádio da Luz, em Lisboa, e Old Trafford, em Manchester. Em Lisboa, o Benfica, tetracampeão de Portugal, recebe o CSKA de Moscovo, time que foi segundo na última edição do campeonato russo. Enquanto o time que continua a ser orientado por Rui Vitória ambiciona voltar a ultrapassar a chave, o CSKA espera fazer bem melhor que na temporada passada, visto que terminou na última posição de seu agrupamento com apenas três pontos. Os dois times têm aspirações relativas ao acesso.

Vencedor da última edição da Liga Europa, o Manchester United de José Mourinho regressa à competição maior do futebol europeu, cenário ao qual está acostumado. Na estreia em Old Trafford, os “Red Devils” vão enfrentar o Basileia, emblema que domina o futebol suíço a seu “bel prazer”. Após o empate em Stoke-on-Trent, os britânicos querem estrear com o pé direito neste retorno “milionário”.

Grupo B

No grupo B a tendência é bem clara: Bayern de Munique e PSG favoritos a seguir para as oitavas, discussão pela Liga Europa entre Anderlecht e Celtic. Nesta primeira rodada, a Allianz Arena recebe a partida entre o time bávaro e o Anderlecht. A necessidade de responder por parte dos donos da casa é grande, uma vez que o fim de semana ficou marcado por uma derrota no terreno do Hoffenheim por dois a zero. No outro desafio da noite, o Celtic Park volta a entoar o “You’ll Never Walk Alone” em uma grande noite europeia, marcada pela receção ao PSG de Neymar e companhia limitada.

Grupo C

No grupo C tem duas partidas com expetativas antagónicas: Na Itália, a AS Roma agora treinada por Eusébio Di Francesco recebe o Atlético de Madrid em um encontro que se adivinha de grande equilíbrio, enquanto na Inglaterra tem aquele que é o duelo mais desnivelado da ronda, com o Chelsea a apadrinhar a estreia do Karabakh na fase de grupos da Liga dos Campeões. Os “Blues” enfrentam a primeira equipa do Azerbaijão a alcançar a fase de grupos da Liga dos Campeões e não podem pensar em outro cenário que não o de uma vitória.

Grupo D

Não há duelo que reclame mais atenções que esse do grupo D. No Camp Nou, o Barcelona recebe a Juventus em uma reedição de uma das semifinais da última edição da Liga dos Campeões. Galvanizado pela vitória no “derby” local com o Espanyol, o Barcelona quer vingar a eliminação do ano anterior ante o emblema que foi finalista vencido em Cardiff. A “Vecchia Signora” encara mais uma temporada em que o objetivo é bem claro: voltar a estar na final dessa Liga dos Campeões.

No outro jogo do grupo, o “inferno do Pireu”, em Atenas, acolhe o desafio entre o time helénico do Olympiakos e a formação portuguesa do Sporting.

Boas Apostas!