O “Mundo Deportivo” avança que Ernesto Valverde será o sucessor de Luis Enrique no comando técnico do Barcelona. O acordo será formalizado em breve.

Foto: "AFP"

Foto: “AFP”

A edição desta terça-feira do jornal catalão dá a contratação de Ernesto Valverde como um dado adquirido, revelando que estará tudo acertado entre a diretoria do clube e o técnico de 53 anos. Atual técnico do Athletic Club Bilbao, emblema com o qual ergueu os troféus da Supercopa de Espanha (2015) – precisamente frente ao Barcelona -, terminou a atual campanha no sexto posto, a apenas um ponto do lugar europeu ocupado pela rival Real Sociedad. No San Mamés, o pano já caiu e a temporada 2016/17 já está encerrada, mas há que aguardar pelo termo definitivo da temporada espanhola, que culmina com a realização da final da Copa de Espanha precisamente entre o Barcelona e o Alavés. Antes de tornar pública a contratação de Ernesto Valverde, a diretoria quer que o elenco esteja focado na decisão da Copa, último encontro que “Lucho” Enrique à frente do time. A final está agendada para a noite de 27 de maio, próximo sábado, e o “Mundo Deportivo” revela que a coletiva de apresentação de Ernesto Valverde no Camp Nou se realizará na segunda-feira, 29 de maio. A partir de 1 de julho, com a confiança de Josep Maria Bartomeu, o treinador natural da região da Extremadura será oficialmente treinador do Barcelona. Antes disso, se realizará uma coletiva de imprensa em San Mamés para anunciar o adeus de um técnico tão querido pela fervorosa torcida do Athletic que tinha chegado à cidade situada nas margens do Nervión em 2013. Enquanto técnico, para além da Supercopa ganha com o Athletic, Ernesto Valverde venceu ainda três edições do campeonato grego (2008/09, 2010/11 e 2011/12), vencendo ainda a taça helénica em duas ocasiões (2008/09 e 2011/12).

O diário espanhol “El Correo” também confirma a existência de acordo, revela que Ernesto Valverde já terá colocado sua assinatura no papel.

2+1

Ernesto Valverde fechará um contrato válido por duas épocas com mais uma de opção. Se tudo correr da melhor forma, no final da época 2018/19, a diretoria reunirá com o técnico para revelar se tem interesse em prolongar o vínculo contratual por mais uma temporada. Para Barcelona levará Joan Aspiazu, técnico adjunto, e José Antonio Pozanco, preparador físico. Este acordo proporciona o retorno de Ernesto Valverde a uma casa que bem conhece. “Txingurri”, como é conhecido, jogou no Barcelona entre 1988 e 1990. A “Cidade Condal” é bem conhecida do técnico, uma vez que também representou o Espanyol, rival do Barcelona, enquanto jogador (entre 1986 e 1988) e como treinador (2006/07 e 2007/08).

Boas Apostas!