A Federação neerlandesa de futebol (KNVB) anunciou hoje que Dick Advocaat foi contratado para guiar a seleção principal. O experiente técnico vai cumprir sua terceira passagem pelo time do país em que nasceu há 70 anos, adiando a decisão de pôr fim à sua carreira.

AdvocaatA seleção da Holanda vive um período bem conturbado. Depois de ter falhado o acesso à fase final eo Euro 2016, disputado na França, o desempenho nas eliminatórias para o Mundial 2018 também não têm corrido da melhor forma, tendo o apuramento em sério risco. Neste momento, com apenas ete pontos conquistados em 15 possíveis, o time neerlandês já leva três de atraso em relação à Suécia (2º) e seis para França (1º). A situação não é fácil: Alcançar o primeiro posto parece uma utopia, portanto resta lutar para ser um dos melhores oito melhores times a terminarem na segunda posição da chave.

A derrota da Holanda na ida à Bulgária (2-0) precipitou o despedimento do treinador Danny Blind, a 26 de março de 2017. A paciência dos responsáveis pela Federação da Holanda passou dos limites e o despedimento foi concretizado, isto depois de ter sido mantido mesmo falhando o acesso ao Euro 2016.

Terceira passagem pela “Laranja Mecânica”

Esta será a terceira passagem de Dick Advocaat pela principal seleção da Holanda, depois de já o ter feito entre 1992 e 1994 e também entre 2002 e 2004. Os maiores feitos alcançados durante suas passagens correspondem ao acesso às quartas da Copa do Mundo de 1994, disputada nos Estados Unidos, competição em que caiu frente ao Brasil que se sagraria campeão, e à ida às meias no Euro 2004, caindo ao anfitrião e “vice” Portugal.

Neste momento, Dick Advocaat orienta os turcos do Fenerbahçe, emblema a que chegou no início da temporada 2016/17 após duas temporadas na Inglaterra, em Sunderland. A decisão de abandonar o time de Istambul no final da temporada estava tomada e em março deste ano, o próprio técnico tinha anunciado que iria pôr fim à sua carreira. “A decisão de deixar o clube no final da época significa também que me vou retirar. O Fenerbahçe é o meu último clube”, tinha revelado após uma derrota frente ao Konyaspor. A quatro jornadas do fim, o time otomano ocupa a terceira posição do campeonato turco e está em lugar de acesos direto à fase de grupos da Liga Europa da próxima temporada.

A estreia de Dick Advocaat no comando técnico da seleção da Holanda terá lugar a 31 de maio, data em que a seleção neerlandesa enfrenta a seleção de Marrocos em jogo amistoso. Passados cinco dias, mede forças com a Costa do Marfim, em mais um duelo preparatório para o confronto com o “lanterna” Luxemburgo, válido pelas eliminatórias para a Copa do Mundo 2018. Ruud Gullit será o técnico adjunto de Dick Advocaat.

Boas Apostas!