O clube quase centenário Cruzeiro Esporte Clube, conhecido como Raposa ou Celeste, é um dos maiores clubes do Brasil fora do eixo Rio-São Paulo. Localizado em Belo Horizonte, Minas Gerais, tem como seu maior rival o Atlético Mineiro, o Galo. O Cruzeiro tem como sua casa o estádio do Mineirão, com capacidade para 61.846 torcedores. O estádio é administrado pelo Governo de Minas Gerais, Cruzeiro e Minas Arena. Infelizmente o estádio foi palco da derrota vergonhosa do Brasil para a Alemanha por 1×7 na Copa do Mundo de 2014.

Cruzeiro campeão brasileiro de 2014.

Cruzeiro campeão brasileiro de 2014.

O Cruzeiro é um clube que já conquistou por quatro vezes o Campeonato Brasileiro, recentemente nos seus últimos dois títulos do brasileirão foi bicampeão, conquistando a taça de 2013 e 2014. Com esta conquista, o clube chamou a atenção nacional e internacional, sendo visto como grande promessa do futebol brasileiro, porém não emplacou nas duas últimas edições. Além dos títulos do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro tem 36 títulos do Campeonato Mineiro, ficando somente atrás do maior rival Atlético Mineiro com 43 títulos. O clube tem muitos títulos e conquistas, mas os principais são estes, além de duas Copas Libertadores, duas Copas Sul-americanas, quatro Copas do Brasil entre outras.

Início ruim no brasileirão 2016

Técnico Deivid no comando do Cruzeiro.

Técnico Deivid no comando do Cruzeiro.

Vamos fazer um retrospecto desde o final do ano de 2015,  já que o Cruzeiro em 2015 terminou o Campeonato Brasileiro somente na oitava colocação, deixando a desejar, pois vinha de um bicampeonato nos anos de 2013 e 2014. Como o técnico Mano Menezes saiu em dezembro de 2015 para assumir o time do Shandong Luneng, da China, a diretoria do Cruzeiro resolveu dar uma chance para o jovem treinador Deivid, o qual assumiu o time e disputou o Campeonato Mineiro de 2016, mas o time primeiramente não conseguiu conquistar o título mineiro, ficando na terceira colocação, perdendo a semifinal para o América Mineiro, que seria o campeão em cima do Atlético Mineiro na final.

Insatisfeitos com a terceira colocação no campeonato estadual, a diretoria do Cruzeiro resolveu demitir o jovem treinador Deivid e contratar o técnico português Paulo Bento, que tinha no currículo inclusive passagem pela seleção portuguesa. O que era esperado como uma grande esperança para toda a nação celeste, se tornou uma grande frustração. Após assumir o time do Cruzeiro na segunda rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, o técnico seria demitido na décima sexta rodada. Ao todo, em quinze jogos a frente da equipe, foram quatro vitórias, três empates e oito derrotas, quinze pontos conquistados em quarenta e cinco disputados, um aproveitamento de 33,3%. Após a demissão de Paulo Bento, o clube chamou novamente o técnico Mano Menezes, que havia saído do clube chinês e estava livre no mercado.

Reviravolta

Técnico Mano Menezes, atual técnico do Cruzeiro.

Técnico Mano Menezes, atual técnico do Cruzeiro.

Lembrado pela excelente passagem que teve pelo Cruzeiro em 2015, quando pegou o time em décimo sexto lugar e levou o time a chegar em oitavo, brigando até por uma vaga na Libertadores, o técnico Mano Menezes foi chamado novamente e assumiu o Cruzeiro em jogo válido pela décima sétima rodada contra o Santos na casa do Santos. O Cruzeiro perdeu por 2×0 na estreia de Mano Menezes, porém enfrentar o Santos na Vila Belmiro é muito difícil. O técnico Mano Menezes não se deixou abater e conseguiria reverter a situação e dar a volta por cima. Depois desta vitória, seriam seis jogos sem perder, foram dois empates e quatro vitórias, foram treze gols marcados e seis gols sofridos, levando o Cruzeiro da vice lanterna da competição, para a atual décima segunda posição, isto que ainda estamos na vigésima terceira rodada, ainda faltam quinze rodadas e o Cruzeiro pode chegar longe na competição.

Mas nem tudo foram flores, o time perdeu o goleiro titular Fabio Maciel por lesão, que ficará fora por tempo indeterminado. Mas como alento, o técnico Mano Menezes conseguiu concertar o setor defensivo e do meio pra frente é só alegria. Jogadores como os meias Rafinha, Robinho e Arrascaeta tem feito estrago nas defesas adversárias com muitos gols e assistências, enquanto a dupla de ataque Rafael Sóbis e o argentino Ramón Ábila ampliam os números de gols a favor do Cruzeiro. Esperamos uma sequência muito forte do Cruzeiro para o resto da competição, uma vaga na Libertadores é algo totalmente possível, algo inimaginável a algumas rodadas atrás.

Boas Apostas!