Yannick Ferreira-Carrasco poderá ser o próximo a trocar o futebol europeu pelo campeonato chinês. Segundo a mídia espanhola, o jogador do Atlético de Madrid já estará em conversações para deixar o emblema da capital espanhola.

Foto: "GERARD JULIEN/Getty Images"

Foto: “GERARD JULIEN/Getty Images”

Tem perdido espaço entre as opções do técnico argentino Diego Simeone e poderá estar de saída do Atlético de Madrid. Yannick Ferreira-Carrasco tem a porta da saída aberta e a possibilidade não é mera especulação. O Dalian Yifang, emblema que milita na Superliga chinesa, poderá ser o destino do atacante.

Segundo o canal espanhol de tv “La Sexta”, estará em cima da mesa uma proposta no valor de cerca de 30 milhões de euros, valor que os chineses estarão dispostos a entregar ao Atlético de Madrid para fechar a contratação do jogador. Para Ferreira-Carrasco, uma proposta com um salário avultado, bem superior ao que o jogador aufere no Atlético de Madrid.

O empresário do jogador já terá feito essa informação chegar ao gabinetes do clube do Wanda Metropolitano e os responsáveis do Atlético deram permissão ao jogador para negociar sua ida para a China. As conversações avançam por estas horas e, de modo a não comprometer a negociação, Yannick Ferreira-Carrasco ficou de fora da partida dessa quinta-feira que vai opor o Atléti ao Copenhaga na capital espanhola, válida pela volta das 16 avas da Liga Europa. O canal “La Sexta” avança ainda que as negociações vão decorrer até essa sexta-feira (23).

Caso a mudança se concretize, não será só o Atlético de Madrid que ficará a ganhar com a transferência. O AS Mónaco, clube que Carrasco representou antes de chegar em Madrid, terá direito a 25 por cento do lucro. Vale lembrar que o jogador chegou a Espanha em 2015, a troco de 17 milhões de euros.

Internacional pela Bélgica, o jogador de 24 anos tem sido menos utilizado por Simeone na atual temporada. Participou em 17 partidas para o campeonato espanhol, cinco para a Liga dos Campeões, outras tantas para a Copa do Rei e ainda na única que o Atléti disputou na Liga Europa. Ainda assim, raramente tem sido titular, sendo que jogou apenas 1 459 minutos na atual temporada.

Caso se confirme a ida para o Dalian Yifang, Carrasco será o primeiro grande nome do time para a nova temporada. Vale lembrar que o mercado na China ainda não encerrou, até porque a Superliga daquele país só vai começar nesse início do mês de março. Na primeira rodada, o Dalian Yifang visita o Shanghai SIPG dos brasileiros Oscar, Elksen e Hulk, agora comandado pelo português Vitor Pereira após a saída de André Villas-Boas.

Boas Apostas!