A Associação Chapecoense de Futebol fico conhecida mundialmente devido ao trágico acidente que vitimou praticamente o clube inteiro, 22 jogadores, 18 integrantes da comissão técnica incluindo o técnico Caio Júnior e 8 da diretoria incluindo o presidente do clube.

A Chapecoense foi declarada campeã da Copa Sul-Americana de 2016.

A Chapecoense foi declarada campeã da Copa Sul-Americana de 2016.

71 pessoas morreram ao total, entre as vítimas além dos jogadores do time catarinense, comissão técnicae e dirigentes, estavam jornalistas e a tripulação do avião da empresa boliviana LaMia que foi fretada para transportar o time que iria disputar a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional. Sobreviveram apenas 6 pessoas os jogadores Alan Ruschel, Follmann, que teve uma perna amputada e o zagueiro Neto. Também foram resgatados com vida o jornalista Rafael Henzel, o técnico da aeronave Erwin Tumiri e a comissária de bordo Ximena Suarez.

O clube colombiano Atlético Nacional enviou um pedido oficial junto a CONMEBOL para que a  Chapecoense fosse declarada campeã da Copa Sul-Americana de 2016, e assim foi, com isso a Chapecoense conseguiu uma vaga direta na fase de grupos do maior torneio entre clubes da América. A Chapecoense vem em um processo de reconstrução, contratou o técnico Vagner Mancini para juntamente com os remanescentes da diretoria do clube, formarem um time em pouco tempo para a temporada de 2017. São muitos os reforços anunciados pela Chapecoense, os últimos reforços da Chapecoense foram o zagueiro Luis Otávio, o goleiro Elias, o volante Andrei Girotto e o meia Osman. Praticamente o clube teve que formar um novo time e terá pouco tempo para se preparar para a competição continental.

O Grupo 7 da Libertadores 2017

Escudos dos times integrantes do Grupo 7 da Libertadores 2017.

Escudos dos times integrantes do Grupo 7 da Libertadores 2017.

Em sorteio realizado no final de dezembro em Assunção, no Paraguai, a CONMEBOL sorteou os duelos das primeiras fases e os grupos da competição. A Chapecoense fará sua estreia na Libertadores e fará parte do Grupo 7,  tendo como adversários duas pedreiras, o Lanús atual campeão da Argentina e o tradicional Nacional do Uruguai, o outro participante em sua primeira participação é uma incógnita, o Zulia da Venezuela, que foi vice-campeão da Venezuela e conquistou a vaga por ter vencido a Copa da Venezuela.

A definição do Grupo 7 pode ser feita da seguinte forma, os debutantes contra os mais experientes, pois só para termos ideia, o Nacional do Uruguai é o time que mais participações tem na Copa Libertadores e o Lanús vive um ótimo momento sendo campeão argentino. Já o Zulia é estreante e não se tem um histórico de como irá se comportar na competição, já a Chapecoense, por ter sido vítima do grave acidente, está em reformulação e não se sabe se dará tempo de formar uma equipe competitiva para a Libertadores, portanto o Nacional e o Lanús são os grandes favoritos a seguirem para as oitavas da competição, porém surpresas poderão ocorrer, esperamos que a Chapecoense consiga pelo menos uma vaga nas oitavas, mesmo se classificando em segundo no grupo. As datas dos jogos da Chapecoense na fase de grupos da Libertadores 2017 serão:

7/3 – 21h45 – Zulia x Chapecoense
16/3 – 19h30 – Chapecoense x Lanús
18/4 – 21h45 – Chapecoense x Nacional
25/4 – 21h45 – Nacional x Chapecoense
17/5 – 21h45 – Lanús x Chapecoense
23/5 – 19h30 – Chapecoense x Zulia

Raio-X dos adversários

Escudo do Zulia Fútbol Club.

Zulia Fútbol Club.

A Zulia é um time novo fundado em 2005 e foi vice-campeã venezuelana, perdendo a decisão para o Zamora e classificou-se para a Libertadores de 2017 sendo campeão da Copa Venezuela de 2016. O time fará sua primeira Libertadores e tem um perfil bastante jovem do meio pra frente com o argentino César Gómez sendo o mais velho com 26 anos. O meia Jefferson Savarino tem 20 anos é o principal nome do clube, é muito rápido e habilidoso, marcou 21 gols na última temporada, camisa 10 é o motorzinho do time e tem propostas de grandes clubes da Europa. A analise feita sobre o time, mostra que é uma equipe que ataca bastante, porém não se defende muito bem. Seu estádio é o José Pachenco Romero com capacidade para 40 mil torcedores. A logística de viagem da Chapecoense para enfrentar a Zulia deverá ter voo de 12 horas até Maracaibo, cidade do Zulia.

Escudo do Clube Atlético Lanús.

Clube Atlético Lanús.

O Lanús foi campeã do Campeonato Argentino em 2016, na atual edição está em sexto lugar. Com a Copa do Bicentenário, a temporada passada foi a melhor da história do clube. O clube sofreu uma grande baixa, o meia atacante Miguel Almirón foi para o futebol dos Estados Unidos atuar pelo Atlanta United, agora a diretoria e o técnico José Francisco Almirón procuram uma peça de reposição. Com a saída de Miguel Almirón, a Chapecoense precisará tomar cuidado com o experiente atacante José Gustavo Sand de 36 anos, o jogador marcou 16 gols no Campeonato Argentino de 2016. O Lanús participará de sua sexta Libertadores e sua melhor campanha foi em 2014 quando foi eliminado nas quartas de final. Seu estádio é o Néstor Díaz Péres, conhecido como La Fortaleza, com capacidade para 47 mil torcedores. A logística de viagem da Chapecoense terá cerca de três horas e meia até Buenos Aires.

Clube Nacional de Football.

Clube Nacional de Football.

O Nacional é a equipe que mais tem participações na Libertadores, fará sua 44ª participação em 2017. O time acumula três conquistas da Libertadores (1971, 1980 e1988) e três vice-campeonatos. O atual campeão uruguaio, este foi seu 46º título da competição. A base do time continua a mesma que foi eliminada nas quartas de final da Libertadores de 2016 pelo Boca Juniors. O técnico Martín Lasarte este na equipe desde junho de 2016 e costuma postar seu time nos contra-ataques, utilizando os pontas de velocidade. Os destaques do time são o atacante de 30 anos Sebastián Fernandez que está no clube desde 2014 e costuma marcar em decisões. Outro nome importante é o zagueiro Diego Polenta de 24 anos, ele tem sido o homem forte da zaga do Nacional. Seu estádio é o Gran Parque Central, inaugurado em 1900, com última reforma em 2005, recebe cerca de 25 mil torcedores e costuma ser um caldeirão. A logística de viagem para a Chapecoense, deverá durar cerca de duas horas e meia até a cidade uruguaia.

Boas Apostas!