Após a chegada de Cristiano Ronaldo, essa é a movimentação que promete abalar o mercado italiano nesse verão de 2018. Leonardo Bonucci vai voltar a vestir a camisa da Juventus após um ano no AC Milan, ao passo que Gonzalo Higuaín se prepará para assinar contrato com a equipe “rossonera”. Mattia Caldara também poderá ser reforço do time milanês.

Foto: "Getty Images"

Foto: “Getty Images”

Leonardo Bonucci construiu sua história em Turim e chegou mesmo a capitanear a “Vecchia Signora” em um percurso que durou sete temporadas (2010/11 – 2016/17). No final da época 2016/17, um alegado desaguisado com o técnico “Maxi” Allegri fez com que o zagueiro trocasse as listas brancas e negras da Juve pelas vermelhas e pretas do AC Milan, levando o time “rossonero” a investir uma quantia a rondar os 30 milhões de euros. Um ano depois, Leo Bonucci se prepara para regressar a Turim. Uma vez sanado o alegado conflito com Allegri, o zagueiro internacional pela Itália voltará a vestir uma camisa que já defendeu em 319 partidas. Bonucci chegou esta quinta-feira (2) a Turim para cumprir exames mêdicos e assinar contrato.

Higuaín e Caldara na rota contrária

Aparentemente sem valores avultados envolvidos, essa será mais uma “troca” de jogadores entre dois dos principais emblemas do futebol italiano. Para assegurar o retorno de Leonardo Bonucci, a Juventus decidiu abdicar do atacante Gonzalo Higuaín, internacional argentino que vai mesmo assinar pelo AC Milan, emblema que estava no mercado à procura de uma solução para a frente de ataque.

Há muito que se especulava sobre a potencial saída de Gonzalo Higuaín e esse é um cenário que agora se concretiza. Pouco tempo depois de a Juventus ter anunciado a chegada de Leonardo Bonucci a Turim para cumprir exames médicos, o AC Milan publicou em suas páginas nas redes sociais uma foto de Gonzalo Higuaín já com a camisa do time “rossonero” após ter cumprido os exames.

Esse será o terceiro emblema da Série A que Higuaín se prepara para representar. Produto da base do River Plate, o atacante “albiceleste” esteve ao serviço do Real Madrid durante sete temporadas e assinou pelo Nápoles em 2013/14, cumprindo três temporadas no San Paolo, No início da época 2016/17, se mudou para a Juventus em uma transferência muito polêmica dada a rivalidade existente entre os dois clubes. A ligação chega ao fim após duas temporadas.

Mattia Caldara também poderá se tornar milanês

Ainda não foi oficializado como reforço do AC Milan, mas tudo indica que Mattia Caldara também estará envolvido nesta “super troca” entre juventinos e milaneses. O zagueiro de 24 anos da Juventus que pegou destaque ao serviço da Atalanta também deverá fechar acordo com o time de San Siro, preenchendo precisamente a vaga deixada por Leonardo Bonucci no setor mais recuado.

Boas Apostas!