O clube italiano Bologna Football Club, originário na cidade homônima, completou cem anos em 2009 e já foi considerado um dos maiores clubes da Itália, principalmente no início do século, quando conquistou a maioria de seus 7 títulos do Campeonato Italiano (1924-25, 1928-29,1935-36, 1936-37, 1938-39, 1940-41, 1963-64). O clube ainda foi campeão por duas vezes da Serie B, 1987/88 e 1995/96, além de duas taças da Coppa Italia, 1969/70 e 1973/74. A casa do Bologna é o Estádio Renato Dall’Ara, que foi construído em 1925 e com um visual bem tradicional, mantém seu padrão até os dias de hoje. O estádio, tem capacidade para 38.279 lugares e tem muita história para contar, entre todas, o destaque que sediou jogos de duas copas do mundo, a de 1934 e 1990.

Estádio Renato Dall'Ara, casa do Bologna.

Estádio Renato Dall’Ara, casa do Bologna.

O clube Bologna Football Club subiu recentemente para a Serie A (elite do futebol italiano), quando na temporada de 2014/15 chegou em quarto lugar, classificando-se aos Play-offs conseguindo acesso com o vice-campeonato. Na temporada de 2015/16, já atuando pela Serie A, o time terminou a competição em décimo quarto colocado, permanecendo na Serie A para a temporada atual.

O nigeriano Umar Sadiq

Umar Sadiq comemorando gol nas Olimpíadas Rio 2016.

Umar Sadiq comemorando gol nas Olimpíadas Rio 2016.

O Bologna se reforça para esta temporada com o atacante nigeriano de 19 anos Umar Sadiq, que tem 1,92 m de altura, estava atuando no Roma e chega por empréstimo. Pelo Roma, atuou nas categorias de base e chegou a fazer dois gols pela equipe principal. Umar Sadiq participou das olimpíadas do Rio 2016 e foi uma referência no setor ofensivo da seleção nigeriana. O jovem marcou quatro gols na campanha do bronze, sendo um gol na vitória de 5×4 contra o Japão e um gol na vitória de 1×0  contra a Suécia, ambos os jogos da fase de grupos e dois gols na disputa do bronze contra Honduras na vitória por 3×2.

O atacante nigeriano Umar Sadiq ficará por empréstimo até 30 de junho de 2017, com uma opção de renovação para mais um ano. Nascido em Kaduna na Nigéria, o jogador atuou pelas categorias de base do clube nigeriano Abuja FC (College Football Abuja).  Em 2013 foi campeão pelo Abuja FC no torneio juvenil Dvarnerska Rivijera na Croácia. Em 2013 mesmo, Umar Sadiq foi para a Itália para o clube da Serie B Spezia, que o emprestou para o clube atuar pelas categorias de base do clube de Serie D Lavagnese, onde o atacante nigeriano fez a marca impressionante de 26 gols em 24 partidas, tornando-se o maior artilheiro das categorias de base da Itália.

Vasilis Torosidis também chegou ao Bologna

Vasilis Torosidis atuando pelo Olympiakos.

Vasilis Torosidis atuando pelo Olympiakos.

O lateral grego Vasilis Torosidis de 31 anos chega para reforçar o Bologna, o atleta chega para contribuir com sua experiência. Sua transferência ocorreu no último dia da janela de transferências, 31 de agosto de 2016. O atleta grego assinou um contrato válido até 30 de junho de 2018 com opção de renovação por mais um ano, pelo valor de € 1 Milhão (R$ 3,6 Milhões).

Iniciou as carreira futebolística no clube grego Skoda Xanthi atuando nas categorias de base. No mesmo Skoda Xanthi subiu para a equipe principal no ano de 2002 com apenas 17 anos e em 2005 fez seu primeiro gol pela equipe em jogo contra o Iraklis válido pela primeira divisão grega. Após cinco anos atuando pelo Skoda Xanthi, transferiu-se para o Olympiakos no início de 2007. Pelo Olympiakos o jogador fez quase cento e noventa jogos com quase vinte gols marcados, atuou em grandes competições com um dos melhores clubes da Grécia, o Olympiakos detém quarenta e três títulos da Super Liga (Campeonato Grego de Futebol) elite do futebol grego. Vasilis Torosidis é lateral de origem, porém na temporada 2009/10 atuou como meio-campista. Pelo Olympiakos conquistou seis campeonatos gregos, três Copas da Grécia e uma Supercopa da Grécia. Em janeiro de 2013 assinou contrato com a Roma, onde acumulou quase oitenta participações.

O jogador também acumula boa experiência na seleção de seu país, atuando desde o Sub-19 desde 2003 quando ainda jogava pelo Skoda Xanthi, passou pelo Sub-21 e chegou a seleção principal em 2007, onde já tem mais de oitenta participações, onde depois da aposentadoria de Takis Fyssas, tornou-se lateral-esquerdo, mesmo atuando no Olympiakos como lateral-direito. Participou da Euro 2008, das eliminatórias da Copa de 2010, da Copa de 2010 onde fez o gol da vitória sobre a Nigéria por 2×1, na primeira e histórica vitória da Grécia em uma Copa do Mundo.

Boas Apostas!