O Barcelona anunciou a contratação do atacante espanhol Paco Alcácer, que estava no Valencia, para a temporada 2016/17. A confirmação da contratação foi dada na última terça-feira (30), quando o jogador de 23 anos chegou ao clube para realizar exames médicos e assinar um contrato de cinco temporadas com o Barcelona. O clube catalão desembolsou cerca de € 30 milhões (R$ 108,4 milhões) para ter Paco no seu elenco, sendo que o contrato prevê que o Barcelona ainda pague mais € 2 milhões (R$ 7,2 milhões) dependendo do desempenho do atacante, que terá uma cláusula de rescisão de cerca de € 100 milhões (R$ 30 milhões).

Paco Alcácer atuando pelo Valencia, seu ex-clube.

Paco Alcácer atuando pelo Valencia, seu ex-clube.

O atacante Paco Alcácer atualmente está com o elenco da seleção espanhola, se preparando para um amistoso contra a Bélgica que será realizado na quinta-feira (31) em Bruxelas, e por isso o jogador só deverá se apresentar oficialmente pelo Barcelona logo depois do amistoso.

Paco foi formado nas categorias de base do Valencia e chegou a jogar pelo Getafe por empréstimo na temporada 2012/13, onde disputou vinte e três partidas e marcou quatro gols. Disputando as duas últimas temporadas pelo Valencia, o atacante marcou 43 gols em todas as competições que disputou. Chegando ao Barcelona, Paco será o substituto imediato do trio de ataque da equipe, Neymar, Messi e Suárez, que na última temporada ficou desfalcado várias vezes devido lesões. “Messi, Neymar e Suárez são os três melhores jogadores do mundo. Jogar com eles será o privilégio”, afirmou o novo contratado. Segundo o atacante espanhol, ele espera marcar muitos gols e ajudar a equipe catalã. “Um atacante vive disso e espero ter sorte. Quero acrescentar meu grão de areia para poder fazer bonito”.

Munir é emprestado

Munir El Haddadi jogando pelo Barcelona.

Munir El Haddadi jogando pelo Barcelona.

No mesmo dia em que o Barcelona anunciou a contratação de Paco Alcácer, a equipe também anunciou o empréstimo do atacante Munir El Haddadi. Enquanto Paco veio do Valencia para o Barcelona, Munir fará o caminho inverso, sendo emprestado por uma temporada justamente para o Valencia, tendo em seu contrato de empréstimo uma opção de compra por cerca de € 12 milhões (R$ 43 milhões).

Passando por várias equipes espanholas durante sua juventude, como o Atlético de Madrid e o Rayo Majadahonda, Munir foi revelado pelo Barcelona, onde começou a jogar em 2011 com 16 anos. Jogando na equipe B do Barcelona até meados de 2014, o atacante conquistou a Liga Jovem da UEFA 2013/14. Na temporada seguinte, 2014/15, o jogador passou a ser utilizado pela equipe principal desde a pré-temporada, participando de alguns amistosos. Sua estreia oficial aconteceu em agosto de 2014, jogando uma partida pelo Campeonato Espanhol e marcando um gol. Porém, Munir acabou ficando sem espaço no elenco titular e ficou muitas partidas apenas no banco de reserva. Na temporada seguinte, o jogador renovou seu contrato com o Barcelona por mais três temporadas, mas continuou não sendo muito aproveitado pelo treinador Luis Henrique, disputando ao total apenas 43 jogos e marcando dez gols durante todo o tempo que ficou na equipe principal. Claro que um dos motivos que levou Munir a participar pouco dos jogos do Barcelona, tanto como titular quanto entrando durante a partida, deve-se ao fato da equipe possuir três dos melhores atacantes do mundo, Messi, Suárez e Neymar, que na última temporada mostraram o quanto são eficientes e não deram espaço para outros jogadores atuarem na equipe titular.

Outras contratações para a temporada

O zagueiro Samuel Umtiti (foto) foi um das contratações do Barcelona na temporada.

O zagueiro Samuel Umtiti (foto) foi um das contratações do Barcelona na temporada.

Paco Alcácer não foi a primeira contratação do Barcelona para esta temporada. Recentemente o clube anunciou a contratação do goleiro Jasper Cillessen, que estava no Ajax e assinou com o clube catalão por cinco temporadas. O goleiro chegou ao Barcelona por cerca de € 13 milhões (R$ 47 milhões), sendo que o valor poderá chegar a € 15 milhões (R$ 54 milhões) dependendo de algumas questões contratuais. Aos 27 anos, Cillessen ainda terá no seu contrato com o Barcelona uma cláusula de rescisão de cerca de € 60 milhões (R$ 218 milhões). Outro jogador contratado pelo Barcelona nesta última janela de transferência foi o zagueiro francês Samuel Umtiti, anunciado depois do fim da Eurocopa, onde foi vice-campeão pela seleção francesa. O zagueiro assinou um contrato de cinco anos por cerca de € 25 milhões (R$ 90,5 milhões), sendo que em seu contrato também existe uma cláusula rescisória de € 60 milhões (R$ 217 milhões).

O meio-campista Lucas Digne, que estava no Paris Saint-Germain também chegou ao Barcelona nesta pré-temporada, sendo confirmado ainda em julho. Contratado por € 16,5 milhões (R$ 59,8 milhões), Digne deverá ficar na equipe catalã por cinco temporadas, tendo em seu contrato uma cláusula de rescisão de cerca de € 60 milhões (R$ 217 milhões). No fim de julho, o Barcelona ainda anunciou a contratação do jovem português André Gomes, que estava no Valencia e que chegou ao Barcelona por € 35 milhões (R$ 127,6 milhões), sendo que outros € 15 milhões que poderão ser pagos pelo Barcelona caso objetivos individuais e coletivos sejam atingidos. E o último jogador contratado pelo Barcelona até agora foi o meio-campista Denis Suárez Fernándes, negociado por um pouco mais de € 3 milhões (R$ 13 milhões), valor referente a multa rescisória pega pelo Barcelona ao Villarreal, onde estava Fernándes.

Com todos esses reforços e com grande parte da equipe principal mantida, o Barcelona continua sendo uma das principais equipes do futebol espanhol e mundial, lutando sempre por títulos.

Boas Apostas!