19 jogos, 13 gols. Quem diria que Mario Balotelli alcançaria o refúgio ideal para sua carreira em Nice, na bela Côte D’Azur. O atacante italiano marcou os dois gols que deram a vitória ao Nice na noite de sexta-feira, em Lille, permitindo a ascensão à segunda posição da Ligue 1, ainda que à condição.

Foto: "VALERY HACHE/AFP"

Foto: “VALERY HACHE/AFP”

Mario Balotelli é um homem novo, mesmo sem largar seu estilo extravagante, próprio de uma forte personalidade. Longe de todas as polémicas que caraterizaram suas passagens por Itália e Inglaterra, o atacante italiano parece finalmente se concentrar no que é realmente importante, demonstrando toda a qualidade que já lhe era conhecida. Agora, os tablóides se rendem ao talento do atacante de 26 anos que é uma das principais figuras de um time do Nice que faz a torcida sonhar com o acesso à Liga dos Campeões, objetivo que está cada vez mais ao alcance do emblema da cidade costeira situada na França.

Definir em Lille

Autor de um dos dois gols (conversão de uma grande penalidade) da vitória do Nice sobre o Bordéus (2-1), na jornada anterior, Mário Balotelli voltou a dar um importante contributo ao seu time na rodada 32 da Ligue 1. No estádio Pierre-Mauroy, em Lille, se assistiu a um desafio aliciante, com um bom espetáculo proporcionado por ambos os times. Mario Balotelli foi “estrela maior” da noite. O time local até passou para a frente graças a um gol de Ibrahim Amadou aos 14, mas Mario Balotelli faria os dois gols da “virada” ambos ainda na primeira etapa – o primeiro foi uma boa conclusão, de primeira. Comandados pelo suíço Lucien Favre, um dos técnicos mais credenciados da atualidade europeia que desenvolveu um ótimo trabalho em Monchengladbach, os homens do Nice entraram no gramado com os brasileiros Dante e Dalbert no time inicial, jogadores que cumpriram os 90 minutos.

A vitória permitiu ao Nice assumir o segundo posto da pauta com 70 pontos, aguardando o desfecho do encontro entre PSG e Guingamp, agendado para domingo. Vale lembrar que o campeão em título tem dois jogos em atraso e é altamente provável que alcance a segunda posição. Ainda assim, o  Nice tem bons motivos parar crer no apuramento milionário, já que mais não seja através do terceiro lugar que dá acesso à fase preliminar da Liga dos Campeões 2017/18. O Lyon, terceiro colocado, tem 51 pontos e 30 jogos disputados. Mesmo que vença os dois desafios que permitem “igualar” o Nice nesse aspeto, faria 57 pontos, ficando ainda a 13 dos “Les Aiglon”. Balotelli tem sido um dos rostos do sucesso do time, dando razão à diretoria do clube que apostou em seus serviços após mais uma passagem em que se descredibilizou, ao serviço do Liverpool.

Boas Apostas!