A gala do “The Best”, cerimónia organizada pela FIFA que visa distinguir o melhor jogador do ano, se realizará nessa noite em Londres, Reino Unido. Todas as atenções se centram na atribuição do prémio acreditado pela entidade que gere os destinos do futebol mundial e, nas últimas horas, o favoritismo de Modric tem crescido…

Cristiano Ronaldo, Luka Modric ou Mohamed Salah. Faltam poucas horas para ficar a ser conhecido o vencedor do prêmio atribuído pela FIFA ao “jogador do ano”.

Foto: "AFP"

Foto: “AFP”

Uma coisa é certa: independentemente do desfecho, Cristiano Ronaldo não vai marcar presença na cerimônia nessa segunda-feira, situação que poderá constituir um indício quanto à eleição. Segundo fonte oficial da Juventus em declarações ao jornal “Marca”, a ausência de Cristiano Ronaldo da gala está meramente relacionada com questões esportivas. A “Vecchia Signora” entrou em campo ao final da tarde de domingo para enfrentar o Frosinone – venceu por dois a zero com um gol de Cristiano Ronaldo – e, segundo a fonte do clube italiano, essa situação complicou toda a logística para que Cristiano pudesse se deslocar de Itália para Inglaterra, ainda para mais tendo em conta que o próximo jogo juventino na Série A está já no horizonte: será na quarta-feira (26) diante do Bologna. Em virtude da situação, a ausência de Cristiano Ronaldo foi confirmada por motivos esportivos, mas a desconfiança aumentou: o internacional “luso” não compareceu da gala da UEFA que distinguiu Luka Modric como melhor jogador da Europa.

Dadas as circunstâncias, as odds que consideram a possível vitória de Luka Modric têm descido nas últimas horas. A eleição do croata que foi o maestro da sua seleção na Copa do Mundo em solo russo que culminou com o vice-campeonato é um cenário cada vez mais provável, ao passo que Mohamed Salah é tido como terceiro favorito nessa escala. De resto, o fator diferencial entre Luka Modric e Cristiano Ronaldo será mesmo esse, uma vez que em termos de clubes foram colegas de vestiário e ambos venceram a Liga dos Campeões precisamente ao Liverpool de Salah, mas na Copa Luka Modric foi mais longe, dado que Cristiano se ficou pelas oitavas.

Logo mais, todas as duvidas serão desfeitas. A premiação é atribuída sob o atual formato desde 2016 e, tanto nesse ano quanto em 2017, foi Cristiano Ronaldo e receber a distinção da FIFA.

Boas apostas!