O clube Botafogo do Rio de Janeiro estava sem estádio desde o início do ano, pois o seu Estádio Nilton Santos estava a disposição do COI (Comitê Olímpico Internacional) para a realização dos Jogos Olímpicos. Em consequência disto, o Botafogo investiu R$ 5 Milhões em reformas para construção de uma Arena com arquibancadas tubulares, ampliando o Estádio Luso Brasileiro, que pertence a Portuguesa na Ilha do Governador. A infraestrutura deverá abrigar jogos do Botafogo até dezembro deste ano.

Arena testando a iluminação a véspera da estreia.

Testes de iluminação na véspera da estreia.

Primeiramente foi feito um teste na nova Arena, um jogo válido pelo Campeonato Brasileiro Sub-20, o Botafogo venceu o Grêmio por 2×1 com cerca de 300 torcedores. A verdadeira inauguração da nova Arena, ocorreu em 16 de julho de 2016, em jogo válido pela décima quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, jogo que o Botafogo empatou com o Flamengo em 3×3. O Botafogo investiu em arquibancadas provisórias, gramado, reforma de vestiários e sala de imprensa, banheiros químicos, cabines de imprensa, Centro de Controle Operacional com 36 câmeras fixas e duas móveis,  pintura, acesso, roletas e instalação de refletores. O estádio antes capaz de receber pouco menos de 4 mil pessoas, agora com a reforma (construção de arquibancadas tubulares), aumentou consideravelmente o número de lugares. O Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe) autorizou a presença de 17.250 torcedores, porém o estádio só permite a entrada de 15 mil torcedores, devido a quantidade liberada pelo Corpo de Bombeiros. Os visitantes ficam com a quantidade limitada de 1.500 entradas, com a condição de não haver torcida mista em clássicos.

O Botafogo

Proximidade da torcida é uma das armas da nova arena.

Proximidade da torcida na Arena Botafogo.

O clube centenário fundado a mais de 122 anos, o Botafogo de Futebol e Regatas, mais conhecido como Fogão ou Estrela Solitária, é um time muito tradicional do Rio de Janeiro, sendo o quarto maior campeão do Campeonato Carioca, tendo vinte conquistas do principal torneio do Rio de Janeiro. Seus títulos não param por aí, a Estrela Solitária já foi campeã da Série B recentemente, em 2015, quando conseguiu acesso a Série A que disputa este ano. A Série A que o Botafogo já conquistou por duas vezes, em 1968 e 1995.

Seria impossível falar do Botafogo sem citar grandes nomes do futebol brasileiro que vestiram a camisa da Estrela Solitária. Entre os principais nomes que podemos citar são dos campeões mundiais pela seleção brasileira, Didi que foi campeão em 1958 e 1962, sendo eleito o melhor jogador da Copa do Mundo de 1958. Garrincha que foi campeão em 1958 e em 1962, além de ter sido campeão mundial novamente, foi o artilheiro e eleito o melhor jogador daquela edição. Jairzinho que foi campeão em 1970 e eleito o melhor jogador daquela edição. Fora estes que além de terem sido campeões, receberam premiações extras, tivemos Nilton Santos campeão em 1958 e 1962, Amarildo 1962 e Zagallo em 1962. Em 1970, o Botafogo cederia mais três atletas para a seleção brasileira ser novamente campeã mundial, foram eles Paulo César Caju, Roberto Miranda e Rogério.

Campanha no brasileirão 2016

Neilton, Camilo e Sassá, principais goleadores do time.

Neilton, Camilo e Sassá, principais goleadores.

Após ser rebaixado em 2014, o Botafogo foi a luta e conquistou do título do Campeonato Brasileiro da Série B em 2015, o Botafogo subiu para a elite do futebol brasileiro novamente em 2016 e vem brigando no meio da tabela de classificação, estando na décima posição no fim da vigésima terceira rodada. Até agora são nove vitórias, cinco empates e nove derrotas, somando trinta e dois pontos. Uma observação importante é que depois da estreia da nova Arena Botafogo, quando o time empatou em 3×3 com o Flamengo, o Botafogo já soma quatro vitórias seguidas jogando em casa.

Precisamos lembrar que o Botafogo não tem tanto suporte financeiro como outros clubes  do Rio de Janeiro, como o Flamengo que tem grande receita de TV, CBF, Patrocinadores e Fluminense que até pouco tempo atrás tinha um gigante patrocinador, a “Unimed”, um dos maiores planos de saúde do país. Abordando esta realidade, vamos analisar a trajetória do campeão da Série B de 2015, para o Campeonato Brasileiro da Série A 2016. Além de não poder contar com o Estádio Maracanã, cedido para o COI para as olimpíadas, a Estrela Solitária teve importantes desfalques como o meia Willian Arão que foi para o Flamengo, Daniel Carvalho que foi para o Goiás, Álvaro Navarro que foi para o Puebla no México, Élvis que está no Figueirense, Lulinha que foi para o Pohang Steelers, Ronaldo para o Fortaleza, Camacho que foi para o Corinthians, Serginho para o Bragantino, Tomás Bastos no Ceará, Carleto para o Arouca de Portugal, além do goleiro Jefferson que teve uma lesão e está no departamento médico. A última baixa, foi o técnico Ricardo Gomes, que além de ter ajudado o time a ser campeão da Série B, vinha fazendo um bom trabalho na Série A, foi assediado pelo São Paulo, e defende agora o Tricolor paulista. Embora tudo não sejam flores, o Botafogo que está sendo treinado pelo atual técnico Jair Ventura, tem jogadores bons e que são a esperança para esta temporada de 2016, os principais responsáveis pelos gols do Botafogo neste Campeonato Brasileiro de 2016 são os atacantes Sassá com 10 gols, Neilton com 7 gols e 2 assistências e o meia Camilo com 5 gols e 4 assistências.

Boas Apostas!